fbpx
Futsal

XV/Rezende se prepara para estrear na temporada

Equipe comandada pelo técnico Ailton Vieira joga pela Liga Nacional de Futsal

A equipe piracicabana inicia a temporada com a Liga Nacional (Foto: Caroline Castilho/Líder Esportes)

A equipe feminina sub-20 do XV de Piracicaba/Rezende/Selam está em fase de preparação para a primeira disputa em 2020. O time piracicabano estreia na temporada na LNFF (Liga Nacional de Futsal Feminino), que acontece entre os dias 13 e 15 de março, em São Carlos. Como parte dos treinamentos, a equipe fez um jogo amistoso contra o Pronger Futebol Cube, de Rio das Pedras, no mês de janeiro, no miniginásio Garcia Netto. O Alvinegro venceu por 7×4. Os gols foram marcados por Larissa (2), Lora (2), Sabrina, Cris e Letícia.

“Estamos treinando duas vezes por semana: às terças-feiras no Ginásio de Esportes do Parque Prezotto, e às quartas-feiras no Garcia Netto. Como a estreia será no mês que vem, não teremos mais amistosos, apenas vamos manter os treinamentos”, disse o técnico Aílton Vieira. Além da Liga Nacional, a equipe piracicabana disputará a Copa Record na categoria adulta, nos meses de maio e abril. Por questões financeiras, o Alvinegro descartou a possibilidade de participar do Campeonato Paulista Sub-20.

MUDANÇAS

No dia 1º de fevereiro, a SELJ-SP (Secretaria de Esportes, Lazer e Juventude do Estado de São Paulo) publicou as alterações nos regulamentos dos Jogos Regionais, entre elas a extinção da categoria sub-20, que agora passa a ser integrada à livre. Com as modificações, as jogadoras que defenderam o XV/Rezende na última temporada, mas deixaram a equipe por conta da idade, estão de volta para a disputa da Copa Record e dos Jogos Regionais também.

“Nós fomos pegos de surpresa pela Secretaria de Esportes do Estado de São Paulo com essa mudança, então tive que mudar o planejamento. Estávamos com uma equipe praticamente formada com o sub-20, mas agora como será a categoria livre, então mudamos tudo. Recrutei as atletas mais velhas aqui da cidade que já tinham estourado a idade e vamos tentar contratar mais três ou quatro jogadoras para reforçar a equipe para os Regionais”, finalizou o treinador.

Voltar