fbpx
Futebol

XV perde pênalti e tropeça com um jogador a mais

Na estreia em Piracicaba, Nhô Quim abre placar, mas leva virada do Sertãozinho

Alvinegro tentará se levantar contra o Água Santa, fora de casa (Foto: Mauricio Bento/Líder Esportes)

O XV de Piracicaba tropeçou diante do Sertãozinho em sua estreia como mandante no Campeonato Paulista da Série A2, na quarta-feira (1º). De virada, o Nhô Quim foi derrotado por 3 a 1, no estádio Barão da Serra Negra. Quando a partida estava 1 a 0, o quinzista Rafael Gomes perdeu um pênalti. A equipe também jogou toda a segunda etapa com um jogador a mais.

Doni marcou para o Alvinegro, enquanto Mateus, duas vezes, e Pereira fizeram os gols dos visitantes. Com o resultado, o time piracicabano caiu para a 17ª colocação, com um ponto em duas rodadas. Os comandados de Cléber Gaúcho voltarão a campo no sábado (4), às 16h. O adversário será o Água Santa, no Distrital do Inamar, em Diadema.

Na partida, o XV dominou todo o primeiro tempo e abriu o placar aos 17min, com Doni. Romarinho cruzou, Samoel Pizzi cabeceou para o meio da área e Doni completou para a rede. Aos 38min, a arbitragem constatou toque de mão do defensor do Sertãozinho e assinalou pênalti, mas Saulo defendeu a batida de Rafael Gomes.

Quatro minutos depois, Mateus castigou o Nhô Quim. A bola sobrou na área para o atleta, que chutou com força e venceu Mateus Pasinato: 1 a 1. A cinco minutos do fim da etapa inicial, Eli Sabiá foi expulso pelo árbitro Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza.

Mesmo com menos jogadores, o Sertãozinho chegou à virada e ainda ampliou a vantagem no segundo tempo. Aos 3min, Mateus fez de cabeça após cobrança de falta e, aos 20min, Pereira aproveitou falha de Rodrigo e deslocou o goleiro.

FICHA TÉCNICA

Esporte Clube XV de Piracicaba

 XV DE PIRACICABA

Mateus Pasinato; Zé Mateus, Rodrigo, Doni e Samuel (Celsinho); Maranhão (Dodô), Clayton e Gilsinho (Bruno Aquino); Samoel Pizzi, Rafael Gomes e Romarinho. Técnico: Cléber Gaúcho

Escudo do Sertãozinho

3  SERTÃOZINHO

Saulo; Nequinha, Eli Sabiá, Jorge Miguel e Mateus; Edu Pina, Tito (Luciano Sorriso), Felipe Manoel e Pereira (Felipe Silva); Leleco e Barboza (Alemão). Técnico: Júlio Sérgio

Gols: Doni (XV) aos 17min, Mateus (SER) aos 42min/1ºT; Mateus (SER) aos 3min, Pereira (SER) 20min/2ºT | Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza | Cartões amarelos: Rafael Gomes, Bruno Aquino e Gilsinho (XV); Nequinha (SER) | Público:  2.578 pagantes | Renda: R$ 33.490,00

Voltar