fbpx

Líder Esportes

Futebol

XV perde para Taubaté e conhece a primeira derrota na A2

Alvinegro joga mal, é derrotado no Barão da Serra Negra e diz adeus à invencibilidade

Bruninho, atacante do XV de Piracicaba
O ataque quinzista pouco produziu no duelo em casa contra o Taubaté (Foto: Michel Lambstein/XV de Piracicaba)

Em noite pouco inspirada no estádio Barão da Serra Negra, o XV de Piracicaba perdeu por 1×0 para o Taubaté, nesta quarta-feira (28), pela nona rodada do Campeonato Paulista da Série A2, e conheceu a primeira derrota na competição. O gol dos visitantes foi marcado por Luiz Fernando, ainda no primeiro tempo. Com o revés, o Nhô Quim perdeu a chance de encostar nos primeiros colocados e se manteve em quarto lugar, com 18 pontos. Na próxima sexta-feira (30), às 22h, o Alvinegro visita o Red Bull Brasil, no Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista.

ESCALAÇÃO

Continuando com o rodízio no elenco para dar descanso aos atletas, o técnico Moisés Egert manteve na equipe titular apenas dois dos 11 jogadores que enfrentaram o Oeste na última segunda-feira (26). O treinador optou por começar o jogo com Matheus Nogueira; Cleiton Savedra, Maurício Ramos, Adalberto e Ronaell; Gustavo Hebling, Maicon Souza e Guilherme Garré; Bruninho, Jean Dias e Tito. Insatisfeito com a derrota parcial aos 20min do segundo tempo, Moisés promoveu quatro substituições de uma só vez: saíram Ronaell, Maicon Souza, Jean Dias e Tito, e entraram Jefferson Recife, Samuel Andrade, Mazinho e Marlyson. Na última substituição, Muriel ocupou a vaga de Maurício Ramos.

Matheus Lagoa, atacante do XV de Piracicaba

O atacante Matheus Lagoa, ex-Novo Hamburgo-RS, foi anunciado como reforço do XV de Piracicaba

RESUMO

Desatento no início da partida, logo aos 12min o XV viu o Taubaté abrir o placar. Numa bobeira da zaga alvinegra, Esquerdinha recuperou a bola no meio de campo, avançou com liberdade e colocou Luiz Fernando na cara do gol. O jogador teve calma para finalizar e vencer Matheus Nogueira: 1×0 para o Burro da Central. Aos 18min, o Nhô Quim tentou reagir: Tito iniciou jogada na lateral direita, arriscou da entrada da área e parou na boa defesa de Felipe. No rebote, Jean Dias encheu o pé, mas o chute desviou na zaga e ainda sobrou para Guilherme Garré, que mandou longe do alvo.

Aos 30min, Luiz Fernando chegou mais uma vez pelo lado esquerdo, se livrou da marcação de Savedra e entrou na área, mas Mauricio Ramos conseguiu se recuperar e evitar a finalização do camisa 11 cara a cara com Matheus Nogueira. O XV ameaçou novamente aos 36min, quando Bruninho aproveitou sobra de bola, driblou Ferreira e mandou para o gol – o chute passou tirando tinta da trave esquerda de Felipe. Aos 41min, Bruninho arrancou pelo meio, deixou a marcação para trás e invadiu a área para finalizar. O atacante foi travado na hora do chute e ficou no chão, reclamando de pênalti, porém, o árbitro Douglas Marques da Flores mandou o jogo seguir.

No início da segunda etapa, o XV começou pressionando o Taubaté em busca do empate. A 1min, após bate e rebate, Guilherme Garré arriscou da entrada da área, mas o chute foi para fora. Na sequência, Jean Dias avançou pelo meio e tocou para Tito pelo lado esquerdo. O camisa 9 limpou a jogada e acertou uma finalização perigosa, que saiu rente ao travessão de Felipe. O Taubaté respondeu aos 23min: após cruzamento de Brenner, Luiz Fernando dominou livre e finalizou em cima de Matheus Nogueira, que saiu do gol e fechou o ângulo do atacante. Na base do ‘abafa’, o Alvinegro ainda desperdiçaria chance clara aos 40min, quando Mazinho cobrou falta pelo lado direito e Marlyson cabeceou na trave. A bola caprichosamente ainda ‘passeou’ em cima da linha do gol antes de sair.

Voltar