fbpx
Futebol

XV negocia com atletas para manter ‘espinha dorsal’

Alvinegro trabalha visando retorno do Estadual; cinco jogadores deixam o clube

Esporte Clube XV de Novembro de Piracicaba - Campeonato Paulista Série A2 2020
A diretoria do XV trabalha pela permanência da base do time considerado titular (Foto: Élcio Fabretti)

Com o futebol paralisado em virtude da pandemia do novo coronavírus (Covid-19) desde o dia 14 de março, quando perdeu por 1×0 para o Taubaté, fora de casa, pela 12ª rodada da Série A2 do Campeonato Paulista, os trabalhos no XV de Piracicaba seguem fora de campo. A diretoria negocia pela manutenção da base do elenco, uma vez que a FPF (Federação Paulista de Futebol) já garantiu a retomada do Estadual quando os órgãos competentes de saúde autorizarem.

“Infelizmente, não será possível seguir com todos, diante da nova realidade que vivemos, mas estamos buscando nos mantermos fortes para seguirmos na briga pelo acesso quando o campeonato voltar”, disse o gestor de futebol Beto Souza. Os laterais Assis e Wallace, que terminaram contrato no último dia 27, não permanecerão no Alvinegro. O volante Hiroshi, o meia Rafael Mineiro e o atacante Erick Salles, que possuem vínculos até o dia 15 de maio, também não seguirão no plantel.

PERMANÊNCIA

De acordo com o clube, o goleiro Mota, os laterais-direitos Jefferson Feijão e Robertinho, o zagueiro Diego Jussani, o volante Bruno Lima, o meia Daniel Costa e os atacantes Caio Mancha, Érik Gabriel e Marcelinho já sinalizaram que ficam no XV e se juntam aos atletas com contratos mais longos: os goleiros Fábio e Leonardo, o lateral-esquerdo Rubens Carvalho, os volantes Fraga, Gabriel Soares e Samuel Andrade, o meia Victor Adame e os atacantes Kadu, Érison e Macena.

O Alvinegro também negocia a permanência dos zagueiros Douglas Marques, Gilberto Alemão, Muriel e Paulão, e do volante Walfrido, que têm vínculo até a metade de maio. “Não são ‘simples’ renovações. Nós estamos atravessando um momento peculiar e todos os contratos precisaram ser revistos. Estamos fazendo um esforço enorme para que a maioria do grupo permaneça conosco e assim possamos atingir nossos objetivos quando o torneio retornar”, finalizou o diretor de futebol Ricardo Moura.

Voltar