fbpx

Líder Esportes

Futebol

XV inicia Paulista Sub-20 visando chegar às finais

Clube aposta em elenco jovem; orçamento mensal gira em torno de R$ 29 mil

XV de Piracicaba x Vila Nova-GO - Copa São Paulo de Futebol Júnior 2017
Na Copa São Paulo de Juniores, o XV de Piracicaba não avançou de fase (Foto: Mauricio Bento/Líder Esportes)

Tem início nesta sexta-feira (13) a disputa do Campeonato Paulista Sub-20 da Primeira Divisão. A competição, que será realizada em seis fases e tem término previsto para o dia 18 de novembro, será disputada por 40 equipes divididas em cinco grupos, seguindo um critério de regionalização, com oito participantes em cada chave. Cada time jogará o mínimo de 14 partidas e realizará, no máximo, 32 jogos. O XV de Piracicaba está no Grupo 2, ao lado de Botafogo, Ferroviária, Inter de Limeira, Rio Branco, Rio Claro, União Barbarense e Velo Clube.

Duo Imóveis

Na primeira fase, as equipes se enfrentarão dentro dos grupos, em turno e returno, avançando para a segunda etapa os quatro melhores colocados de cada chave, além dos quatro melhores quinto colocados, independente dos grupos aos quais pertençam. As 24 classificadas serão divididas em seis grupos com quatro equipes cada, quando novamente se enfrentarão em turno e returno, avançando de fase os dois melhores de cada chave, além dos quatro melhores terceiros colocados. Os duelos de mata-mata começam a partir da quarta etapa.

Sob o comando do técnico Diego Favarin, o XV estreia no próximo sábado (14), às 15h, contra o Botafogo no estádio Barão da Serra Negra. A entrada é gratuita.

PLANEJAMENTO

Com cerca de 50% do grupo formado por atletas piracicabanos, o Nhô Quim tem como objetivo chegar às fases finais do Campeonato Paulista. O elenco, formado por 25 atletas, conta com 13 jogadores remanescentes da última Copa São Paulo de Futebol Junior. Os gastos aproximados para a disputa da competição sub-20 giram em torno dos R$ 29 mil por mês, valor que inclui pagamentos de atletas e comissão técnica (R$ 15 mil), alojamento (R$ 5 mil), alimentação, logística e demais gastos com o torneio (R$ 9 mil).

“Começamos a nos preparar em março e trouxemos mais atletas para encorpar o elenco. Planejamos uma equipe com idade para a disputa da Copa São Paulo 2019, por isso não iremos usar atletas nascidos em 1998, embora seja permitido. O grupo é equilibrado e nossa expectativa é avançar o máximo de fases possíveis, podendo ainda ceder atletas ao time profissional para a Copa Paulista”, disse Matheus Bonassi, coordenador das categorias de base do XV.

DESPEDIDA

O meia Rafael Rosa é mais um atleta que deixa a equipe profissional do XV de Piracicaba. Com o encerramento do contrato, na última terça-feira (10), o atleta ainda permaneceria no clube para realizar todo o tratamento da lesão no joelho. Emprestado pelo Bragantino, Rosa procurou a diretoria quinzista e pediu a liberação, assinando assim um termo de responsabilidade, abrindo mão do tratamento no Nhô Quim.

Voltar