fbpx

Líder Esportes

Futebol

XV empata com São Caetano e decide vaga em casa

Alvinegro abre o placar, permite a igualdade rival e suporta a pressão no Grande ABC

*Capa: Ruben Fontes Neto/XV de Piracicaba

São Caetano e XV de Piracicaba empataram pelo placar de 1×1 na partida de ida das quartas de final da Copa Paulista, na tarde deste sábado (23), no estádio Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul. Os dois gols foram marcados ainda na primeira etapa: Lúcio Flávio abriu o placar para o Nhô Quim e Portuga empatou para o Azulão. O jogo de volta está marcado para a próxima terça-feira (26), às 20h, no estádio Barão da Serra Negra. Para avançar à semifinal, o Alvinegro precisa de uma vitória simples. Em caso de novo empate, a vaga será decidida nos pênaltis.

ESCALAÇÃO

O técnico Luciano Dias fez duas alterações na equipe titular para o primeiro duelo das quartas de final: Juninho e Léo Ceará ocuparam as vagas de Weriton e Gustavo Hebling, respectivamente. Com isso, o XV começou a partida com Belliato; Juninho, Rodrigo Sam, Mauricio Ramos e Kaike; Parrudo, Paraíba e Léo Ceará; Franklin, Lúcio Flávio e Carlos Alberto. No intervalo, o treinador sacou Lúcio Flávio e colocou Ítalo. Aos 11min, Rodrigo Sam deixou o campo para a entrada de João Maistro. Aos 23min, Gustavo Hebling e Willian Anicete substituíram Parrudo e Franklin. Na última mudança, Lucas de Sá entrou no lugar de Léo Ceará.

RESUMO

A partida começou movimentada no ABC. Os donos da casa chegaram com perigo aos 9min. Após triangulação pelo lado direito, Thiaguinho tocou de calcanhar para Marcelinho na cara do gol, mas o camisa 10 parou na boa defesa de Belliato. Depois de pressionar o São Caetano, o Nhô Quim chegou ao gol aos 18min. Carlos Alberto lançou Léo Ceará, que dominou dentro da área e cruzou rasteiro para Lúcio Flávio finalizar sem chances de defesa para Luiz: 1×0. O Azulão empatou aos 31min em lance polêmico. Livinho cruzou na cabeça de Marcelinho e Belliato defendeu, mas na sobra Portuga não desperdiçou: 1×1. O árbitro Thiago de Mattos, porém, anulou o gol por impedimento. Com o auxílio do VAR Light, a confirmação do gol veio após quase cinco minutos de paralisação.

O XV voltou ligado para a segunda etapa. Com 1min de jogo, Léo Ceará cobrou falta pelo lado esquerdo e Mauricio Ramos cabeceou livre para o fundo das redes, mas o gol foi anulado por impedimento. Aos 4min, Ítalo recuperou a bola no ataque e tocou para Léo Ceará, que entrou livre na área, mas chutou por cima da meta defendida por Luiz. O São Caetano respondeu aos 7min. Após bate e rebate na entrada da área, a bola sobrou para Damasceno, que finalizou no canto direito e a bola saiu com perigo.

Aos 10min, Rato achou Portuga dentro da área, que tocou de calcanhar para Livinho. O camisa 7 estava sem marcação, porém, finalizou para fora. Aos 18min, Marcelinho recebeu passe de Damasceno dentro da área, limpou a jogada e chutou forte para o gol, mas Belliato conseguiu espalmar para escanteio. O Azulão tinha o controle do jogo e, aos 21min, chegou novamente com Rato, que mandou uma bomba da intermediária e obrigou Belliato a fazer uma boa defesa para evitar a virada. Nos minutos finais, o Nhô Quim tentou criar, sem eficiência para levar perigo à meta do São Caetano.

Voltar