fbpx

Líder Esportes

Futebol

XV é condenado a indenizar atleta em R$ 650 mil

David Batista fez cinco jogos pelo clube em 2015; jurídico vai recorrer da decisão

*Capa: Vitor Prates/Divulgação

O XV de Piracicaba foi condenado na última segunda-feira (16) a pagar cerca de R$ 650 mil ao jogador David Batista, atacante que vestiu a camisa do clube no Paulistão 2015. A informação foi divulgada nesta quarta-feira (18) pelo GloboEsporte.com. De acordo com o site, a sentença foi dada pela Justiça do Trabalho, em ação tramitada na 3ª Vara do Trabalho de Piracicaba. Procurado pela reportagem do LÍDER, o departamento jurídico do Alvinegro informou que irá recorrer da decisão.

David Batista vestiu a camisa do XV em cinco jogos e, na passagem pelo clube, fraturou a tíbia da perna esquerda. A defesa do jogador sustenta que havia a necessidade de cirurgia para corrigir o problema, porém, o departamento médico do XV teria preferido um tratamento conservador, o que adiou a operação pelo período de três meses. A pena é de R$ 540.646,87, mas o valor calculado com juros e correção monetária desde o ingresso da ação, em julho de 2016, sobe para R$ 649.919,83, conforme divulgado pelo GloboEsporte.com.

O montante, definido pela juíza Liana Maria Freitas de Sá Cavalcante, inclui indenização de Estabilidade Provisória, Danos Morais, Férias, 13º Salário, Complemento Salarial, Seguro Obrigatório e Honorários Advocatícios. Segundo o advogado Filipe Rino, representante do jogador, o XV não contratou o seguro obrigatório, além de não renovar o contrato do atacante pelo tempo mínimo de 12 meses a partir da reabilitação e não completar o salário com a diferença entre o que ele recebia do clube (R$ 17 mil) e o que passou a ganhar do INSS (cerca de R$ 1 mil).

Voltar