fbpx
Futebol

XV derrota Red Bull Brasil por 3×0 e volta a vencer na A2

Ferreira, Lúcio Flávio e Michel marcaram os gols do triunfo alvinegro com facilidade sobre o lanterna

XV de Piracicaba 3x0 Red Bull Brasil - Campeonato Paulista Série A2 2022
Alvinegro venceu com facilidade o Red Bull no Barão da Serra Negra (Foto: Michel Lambstein/XV de Piracicaba)

Após dois jogos sem vencer, o XV de Piracicaba derrotou o Red Bull Brasil por 3×0 neste sábado (26), no estádio Barão da Serra Negra, em compromisso válido pela décima rodada do Campeonato Paulista da Série A2. Ferreira abriu o placar no primeiro minuto da partida e Lúcio Flávio aumentou em cobrança de pênalti ainda na primeira etapa. No último lance do duelo, Michel decretou a vitória alvinegra por três gols de diferença. O resultado colocou o Nhô Quim provisoriamente na terceira colocação do torneio estadual, agora com 16 pontos. Na próxima quarta-feira (2), às 20h, o Alvinegro joga em casa novamente. O adversário é o São Caetano.

ESCALAÇÃO

Em busca da primeira vitória como mandante no comando do XV, o técnico Roberto Cavalo fez três mudanças na equipe titular e escalou o time piracicabano com Paulo Vitor; Weriton, Luan Bueno, Robson e Kaike; Adenilson, Felipe Tontini e Ferreira; Rondinelly, Lúcio Flávio e Diego Rosa. No intervalo, o treinador tirou Lúcio Flávio e apostou em Michel. Aos 21min da etapa final, Lucas Silva e Paraíba substituíram Felipe Tontini e Diego Rosa, respectivamente. Aos 27min, foi a vez de Rondinelly deixar o campo para a entrada de Sandoval. Na última substituição, Edvan ocupou a vaga de Ferreira.

RESUMO

Logo no primeiro minuto de jogo, o XV abriu o placar. Rondinelly cobrou pelo lado esquerdo e encontrou livre Ferreira, que desviou de cabeça para o fundo das redes: 1×0. Aos 7min, Weriton avançou livre pela direita e cruzou para Lúcio Flávio, que estava sozinho na cara do gol, mas o camisa 9 se atrapalhou na finalização e perdeu uma grande chance de ampliar. Após 10 minutos de pressão, o Alvinegro tirou o pé do acelerador e deixou o Red Bull ficar mais com a bola. Aos 23min, Alejandro recebeu pelo meio, se livrou da marcação e bateu no canto esquerdo de Paulo Vitor, que conseguiu espalmar para escanteio. Na reta final do primeiro tempo, o XV ampliou. Após bate e rebate na área, Léo Ribeiro colocou a mão na bola e o árbitro José Cláudio Rocha Filho assinalou pênalti para o Nhô Quim. Lúcio Flávio foi para a cobrança e bateu rasteiro no canto esquerdo, sem chances para Fabricio, que caiu para o outro lado: 2×0.

(Foto: Michel Lambstein/XV de Piracicaba)

Em casa, o time piracicabano definiu a vitória ainda no primeiro tempo (Foto: Michel Lambstein/XV de Piracicaba)

Na segunda etapa, logo nos primeiros minutos, o Red Bull foi para cima do XV. Com troca rápida de passes e arriscando chutes de fora da área, os visitantes tentavam diminuir a diferença, mas sem assustar. Já o Alvinegro apostava nas jogadas pelas laterais e nas bolas paradas, sem levar perigo ao gol defendido por Fabricio. Aos 24min, Paraíba recuperou a bola na entrada da área e tocou para Michel que estava livre, cara a cara com o goleiro, porém, o atacante acertou o travessão, desperdiçando a chance de marcar o primeiro gol com a camisa zebrada. Aos 29min, Lucas Silva deixou Michel novamente na cara do gol, mas o centroavante finalizou em cima de Fabricio duas vezes. Já nos acréscimos, aos 47min, Michel enfim desencantou: Edvan fez boa jogada e cruzou para o atacante, que testou firme para decretar a vitória por 3×0.

Voltar