fbpx
Futebol

XV anuncia reforços e encara Juventus na 5ª feira

FPF confirma que não há garantia de uma terceira vaga de acesso no momento

Raphael Macena, atacante do XV de Piracicaba
Macena teve passagem discreta pelo XV de Piracicaba na temporada 2014 (Foto: Arquivo/XV de Piracicaba)

XV de Piracicaba e Juventus começam a decidir uma vaga na semifinal da Série A2 do Campeonato Paulista na próxima quinta-feira (4), às 19h15, no estádio Barão da Serra Negra. O duelo de volta será realizado no domingo (7), às 10h, na Rua Javari, em São Paulo. As duas partidas terão transmissão ao vivo pelo canal SporTV. As datas e horários foram definidos nesta segunda-feira (1º), em reunião realizada na sede da Federação Paulista de Futebol.

No encontro, os clubes foram informados pelo presidente da FPF, Reinaldo Carneiro Bastos, de que não há garantia sobre uma terceira vaga de acesso para a Série A1, conforme publicou LÍDER na última quinta-feira (28). A notícia surgiu com o acordo anunciado entre Bragantino e Red Bull Brasil, para gestão do time de Bragança Paulista na Série B do Campeonato Brasileiro. Como o Red Bull é uma empresa limitada, existe a possibilidade do repasse ou venda. No momento, são três investidores interessados na negociação.

REFORÇOS

Hoje, a diretoria do XV de Piracicaba confirmou mais dois reforços para a sequência da competição. O lateral-esquerdo Anderson Santos, 26, ex-Tupynambás-MG, e o atacante Macena, 30, ex-Veranópolis-RS e com passagem pelo Alvinegro em 2014, farão exames e, uma vez aprovados, assinarão os contratos. As inscrições para o mata-mata se encerram nesta terça-feira (2). Vale lembrar que dois atletas terão que ser cortados da lista de 26 jogadores. Os nomes ainda não foram confirmados pelo Nhô Quim.

O zagueiro Paulão, anunciado na última quinta-feira (28), ficará com a vaga do volante Hiroshi, que passou por cirurgia no joelho. Com a derrota por 1×0 para o Atibaia, o XV terminou a primeira fase da Série A2 na quinta colocação, deixando escapar a oportunidade de decidir o segundo jogo das quartas de final no Barão da Serra Negra. Sem vencer há quatro jogos, o Nhô Quim vive seu pior momento na competição, tendo conquistado apenas um dos últimos 12 pontos que disputou.

FATOR CASA

“Nós fizemos um jogo bem abaixo do que vínhamos fazendo e mesmo assim a gente teve muitas chances, mas desperdiçamos novamente. Acho que se tivemos colocado o ritmo que somos acostumados a colocar, teríamos ganhado o jogo, pois criaríamos mais oportunidades, com uma intensidade maior”, disse Tarcísio Pugliese, sobre a derrota para o Atibaia. O treinador afirmou que não se importa em decidir a vaga no mata-mata fora de casa. “Não vejo a menor diferença. Se você faz um jogo bem feito em casa e consegue uma boa vitória, é extremamente positivo. Não vejo isso como um fator prejudicial para a gente”, ressaltou.

Pugliese também foi questionado sobre a insistência com o atacante Andrei. “É um jogador jovem, com potencial muito grande e rápido. Ele tem essa característica de dar uma acelerada no jogo. O Andrei entrou bem em várias partidas, cumprindo função. Contra o Votuporanguense, foi um dos atletas que conseguiu mudar aquele jogo. Além disso, contra o Atibaia eu tinha no banco o Agnaldo, que é muito jovem, e o Formiga, que é outro jovem e vem em um momento muito bom, mas está voltando de lesão, com condições de jogar pouco. Por essas questões, fizemos a primeira substituição com o Andrei”, concluiu Pugliese.

Voltar