fbpx
Futebol

Vergonha e humilhação: XV é goleado pelo São Bento no Barão e está fora da A2

XV de Piracicaba leva 5 em casa, envergonha torcedores e diz adeus novamente às chances de acesso no Paulista

XV de Piracicaba 1x5 São Bento - Campeonato Paulista Série A2 2022XV de Piracicaba 1x5 São Bento - Campeonato Paulista Série A2 2022
O meia Paraíba marcou o gol de empate do XV de Piracicaba, que depois seria goleado pelo São Bento (Foto: Michel Lambstein)

A noite desta terça-feira (29) é mais uma daquelas que o torcedor alvinegro dificilmente irá esquecer. Jogando no Barão da Serra Negra, o XV de Piracicaba perdeu de 5×1 para o São Bento e foi eliminado das quartas de final do Campeonato Paulista da Série A2. Marcos Nunes abriu o placar para os visitantes, Paraíba empatou ainda no primeiro tempo e Victor Pereira, Lucas Lima (2) e Kayan selaram a goleada do time sorocabano. A quarta eliminação consecutiva do Nhô Quim no Estadual ainda foi marcada pela tentativa de invasão de campo de torcedores e a queda do alambrado que feriu um torcedor do São Bento.

ESCALAÇÃO

Para o duelo decisivo, o técnico Roberto Cavalo fez quatro alterações na equipe titular e colocou em campo Paulo Vitor; Weriton, Robson, Sandoval e Kaike; Adenilson, Daniel Pereira e Paraíba; Franklin, Michel e Diego Rosa. Atrás no placar, aos 19min, o treinador fez quatro substituições de uma vez só: Diego Rosa, Daniel Pereira, Kaike e Franklin deixaram o campo para a entrada de Padu, Carlos Alberto, Capa e Rondinelly. Aos 43min, Adenilson foi substituído por Edvan. O atacante Lúcio Flávio, vetado pelo departamento médico, sequer foi relacionado para o jogo.

RESUMO

Precisando vencer por ao menos um gol para levar a decisão para os pênaltis, o XV tomou a iniciativa nos primeiros minutos de jogo, marcando o São Bento no campo de ataque. Aos 10min, Paraíba tocou de letra para Daniel Pereira, que chutou com perigo no canto esquerdo de Zé Carlos, mas a bola foi para fora. A resposta veio dois minutos mais tarde. Em cobrança de falta, Cristiano acertou o travessão de Paulo Vitor. No rebote, Lucas Lima jogou de volta para área e achou Marcos Nunes, que emendou para gol: 1×0. O Nhô Quim reagiu rápido e aos 16min, após bate e rebate na área, Michel ajeitou a bola para Paraíba chutar rasteiro no canto direito e empatar: 1×1. Depois do gol, o Alvinegro cresceu na partida. Aos 23min, Franklin chegou pelo lado direito e cruzou para Michel, que teve tempo de dominar antes de finalizar, porém o chute saiu fraco e o goleiro defendeu sem dificuldades.

O XV voltou pressionando na segunda etapa. Aos 2min, Paraíba tocou para Franklin na entrada da área. O camisa 7 se livrou da marcação e finalizou com perigo no canto direito, porém, o goleiro conseguiu mandar para escanteio. Aos 12min, mais um balde de água fria. Victor Pereira arriscou quase do meio-campo para marcar um golaço: 2×1. A situação alvinegra ficou ainda mais dramática aos 21min. O estreante Capa, que havia acabado de entrar, agrediu Cristiano e o árbitro Thiago Scarascati expulsou o jogador quinzista. Com um homem a menos, virou passeio.

Aos 29min, o São Bento recuperou a bola no ataque e Lucas Lima encobriu Paulo Vitor, sempre adiantado: 3×1. Na sequência, aos 31min, Nenê Bonilha cruzou para Kayan marcar como quis: 4×1. A partir daí, a partida foi paralisada pela tentativa de invasão de campo de alguns torcedores quinzistas. Bombas e sinalizadores foram lançados ao campo e o jogo foi paralisado pela Polícia Militar. A torcida do São Bento também entrou na provocação, tentou invadir o campo e um torcedor se feriu ao cair do alambrado. Depois de 15 minutos de paralisação, o jogo foi retomado. Aos 49min, Lucas Lima marcou o quinto gol para fechar a goleada.

Voltar