fbpx
+ Esportes

Revelação, Klaus Waller é homenageado com Moção de Aplausos

Jovem de apenas 9 anos recebeu a homenagem do vereador Pedro Kawai

Ao lado dos pais, Klaus Waller recebeu a homenagem do vereador Pedro Kawai (Foto: Líder Esportes)

Medalha de ouro no Santos Open de Pentatlo Moderno, evento internacional que foi realizado no final de junho, no litoral paulista, o jovem piracicabano Klaus Waller, de apenas 9 anos, recebeu na manhã desta sexta-feira (30) uma Moção de Aplausos pela conquista. Em Santos, ele foi o primeiro colocado na categoria jovem E. A homenagem, proposta pelo vereador Pedro Kawai (PSDB), aconteceu no parque aquático do Centro Cultural e Recreativo Cristóvão Colombo, clube que Klaus representa.

“Acompanhei pela imprensa as conquistas do Klaus e quando vi a idade que ele tem, senti que precisava homenageá-lo. Nossa linha de conduta na Casa sempre foi essa, destacamos os jovens que se destacam no esporte, educação e, inclusive, no empreendedorismo. O esporte que o Klaus pratica não é tão divulgado e achamos importante fazer esse reconhecimento. O Klaus já uma referência pela dedicação e esforço”, elogiou Kawai. Segundo ele, a façanha de Klaus pode servir de exemplo para outras crianças.

“Ao dar visibilidade a exemplos como esse, nós fazemos com que as crianças que estão em dúvida sobre praticar o esporte percebam que, além de ser uma questão de saúde e convivência pessoal, o esporte pode se transformar também numa futura profissão. A grande motivação de fazer atos como esse é que o esporte seja visto como uma opção de vida. Por outro lado, sabemos o valor que o esporte tem para formar cidadãos. Quanto mais cedo o trabalho começa, mais sólido fica”, completou o vereador.

Animado com a homenagem, Klaus disse que viu o gesto como uma recompensa pelo próprio esforço. “Pra mim, foi uma coisa nova ganhar essa competição, porque foi a primeira vez que eu participei. A prova mais difícil foi a corrida, cansa muito rápido e eram 500 metros. A homenagem é pelo esforço que eu faço, porque eu treino bastante”, relatou, sem esconder o maior objetivo. “Meu sonho é ir para Olimpíadas, nem que seja para participar. Meus pais me ajudam muito e não é só no esporte. Eles também estudam comigo para ir bem na escola”, finalizou.

Voltar