fbpx
Automobilismo

‘Reformulada’, equipe busca a primeira vitória

Equipe piracicabana muda câmbio, motor e suspensão para quarta etapa

Bruno Leme, piloto de Fórmula 1600 da equipe Alfia
Bruno Leme confia em levar o carro 78 ao lugar mais alto do pódio (Foto: Marcus/Pavan Fotografia)

Em busca da primeira vitória na temporada, a equipe piracicabana Alfia disputa neste fim de semana a quarta etapa do Campeonato Paulista de Fórmula 1.600. A dupla formada pelos pilotos Bruno Leme, atual campeão da categoria, e Gustavo Favoretto entra na pista do autódromo de Interlagos nesta sexta-feira (18), em duas sessões de treinos livres pela manhã e pela tarde. A classificação acontece no sábado (19), às 8h, com a primeira corrida agendada para as 11h e a largada para a segunda bateria marcada às 14h40.

Para a quarta etapa, a equipe piracicabana terá novidades no carro de número 78. “Nós sofremos no início do ano com o acerto do carro, fizemos algumas coisas que não deram resultado positivo nas três primeiras etapas. Para este fim de semana, modificamos praticamente o carro inteiro: câmbio, motor, suspensão… O carro foi para o dinamômetro e tivemos resultados bastante significativos. Então, a expectativa é boa para a próxima prova, vamos entrar na pista muito competitivos”, afirmou Bruno Leme.

Após três jornadas, a liderança na classificação geral é de Gabriel Silva. Apesar da desvantagem parcial, o atual campeão da categoria mostra confiança e não vê as baterias deste fim de semana como decisivas. “Não vejo assim. É a quarta etapa de dez programadas, tem muita coisa para acontecer ainda, muita água para rolar. Além disso, nós temos que considerar os descartes, não chegamos nem à metade do campeonato ainda. Não é uma etapa decisiva para a competição”, disse.

O Campeonato Paulista de Fórmula 1.600 é dividido em dez etapas, cada uma com duas corridas de 12 voltas ou duração máxima de 30 minutos, conforme o regulamento. Os cinco piores resultados ao término do calendário são descartados, ou seja, a classificação final levará em consideração 15 baterias. “A gente está brigando pelo título sim. O objetivo é repetir o que fizemos em 2017, quando vencemos o campeonato. Não será uma tarefa fácil, mas temos chances e vamos brigar”, finalizou o piloto da Alfia.

Voltar