fbpx

Líder Esportes

Futebol

Red Bull e XV maltratam a bola e não saem do zero em Bragança

Jogo fraco e com muitos erros termina empatado sem gols no Estádio Nabi Abi Chedid

Cleiton Savedra, lateral-direito do XV de Piracicaba
O XV de Piracicaba volta a campo segunda-feira (3), às 20h, quando recebe o São Bernardo (Foto: Michel Lambstein)

O XV de Piracicaba acumulou mais um empate no Campeonato Paulista da Série A2. Jogando em Bragança Paulista, o Alvinegro ficou no 0x0 com o Red Bull Brasil nesta sexta-feira (30), no estádio Estádio Nabi Abi Chedid, em partida válida pela décima rodada da competição. Em campo, as duas equipes maltrataram a bola e ofereceram pouco futebol para quem ficou acordado. Com o resultado, o Nhô Quim chegou aos 19 pontos e manteve a quarta colocação. O XV volta a campo na próxima segunda-feira (3), às 20h, quando recebe o São Bernardo no Barão da Serra Negra.

ESCALAÇÃO

Em busca da segunda vitória depois da retomada da Série A2, o técnico Moisés Egert fez novo rodízio e promoveu seis mudanças na equipe titular, que entrou no gramado com Matheus Nogueira; Cleiton Savedra, Renan Dutra, Adalberto e Ronaell; Gustavo Hebling, Felipe Manoel e Samuel Andrade; Mazinho, Juninho Potiguar e Érison. Aos 14min do segundo tempo, o treinador fez a primeira substituição: tirou Gustavo Hebling e colocou Guilherme Garré. Aos 24min, Marlyson e Bruninho entraram nas vagas de Érison e Mazinho. Na última substituição, Maicon Souza ocupou o lugar de Juninho Potiguar.

RESUMO

O duelo em Bragança Paulista foi um festival de erros. Com 1min de bola rolando, Ronaell saiu jogando mal, perdeu a bola para Teles e parou a jogada com falta na entrada da grande área. Eliton Júnior cobrou rasteiro e Matheus Nogueira defendeu sem sustos. Aos 11min, Juninho Potiguar recuperou a bola na intermediária e arriscou de longe no canto direito, mas parou na defesa de Fabricio. Aos 29min, Mazinho finalizou de fora da área, porém o chute saiu prensado e o goleiro do Red Bull Brasil conseguiu desviar para escanteio. Na sequência, Fabricio saiu mal do gol e a bola sobrou com Juninho Potiguar, que tentou mandar por cobertura, mas a zaga afastou quase em cima da linha.

A segunda etapa começou com os dois times apostando na velocidade, mas falhando muitos passes. O XV insistia nos lançamentos longos, que podem ser interpretados como chutões tamanha a falta de capricho para executar as jogadas. Em lance pelo lado direito, aos 27min, Bruninho invadiu a grande área, mandou para o gol e parou na defesa de Fabricio. Os donos da casa chegavam apenas nas bolas paradas. Em cobrança de falta, aos 29min, Pires bateu no canto direito de Matheus Nogueira, que conseguiu espalmar para escanteio. Nos acréscimos, o Alvinegro ainda ficou com um jogador a menos após a expulsão de Samuel Andrade aos 47min. O placar, porém, não foi movimentado.

Voltar