fbpx
Futebol

Pugliese avalia empate com Audax: ‘Inaceitável’

Técnico diz que XV estava com jogo na mão: 'Vencendo por 2x0 e jogando bem'

Tarcísio Pugliese, técnico do XV de Piracicaba
Tarcísio Pugliese, durante a partida entre XV de Piracicaba e Osasco Audax (Foto: Michel Lambstein)

Ainda sem vencer no Campeonato Paulista da Série A2, o XV de Piracicaba está na zona de rebaixamento da competição e soma apenas um ponto conquistado. Após abrir 2×0 sobre o Osasco Audax, no último sábado (25), no Barão da Serra Negra, o Alvinegro cedeu o empate ao adversário, deixando pontos importantes escaparem na briga pela classificação. Em entrevista coletiva após a partida, o técnico do XV, Tarcísio Pugliese, tentou encontrar palavras para definir o resultado do confronto.

“É difícil (explicar o empate). A gente estava com o jogo na mão, ganhando de 2×0 e jogando bem, com o jogo controlado. Cedemos campo para o adversário, paramos de jogar, de pressionar, baixamos as linhas e chamamos o adversário para dentro do nosso campo. No lance do segundo gol, eles cruzaram quatro bolas consecutivas e esse é um tipo de erro que não pode acontecer em um time que quer ser campeão e subir. É o tipo de erro que não dá para a gente aceitar”, disse Pugliese.

O XV de Piracicaba volta a campo nesta quarta-feira (29), às 20h, para encarar o São Caetano no estádio Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul. Na tarde desta segunda-feira (27) o elenco quinzista se reapresentou e deu início aos trabalhos visando o confronto contra o Azulão. Recuperado de lesão na coxa, o goleiro Leonardo iniciou a transição para o campo. O lateral-esquerdo Wallace, que foi poupado das atividades no fim de semana, devido a uma tendinite na coxa, treinou normalmente com o restante do elenco.

Com dores no joelho, o zagueiro Gilberto Alemão e o volante Fraga realizaram tratamento no departamento médico, mas não devem desfalcar a equipe contra o São Caetano.

Voltar