fbpx
Kickboxing

Piracicabana estreia no kickboxing com a prata no Paulista

Atleta do ex-lutador Mangue Seco, Emanuelly Alecrim, de apenas 14 anos, brilha no torneio estadual

Emanuelly Alecrim, vice-campeão paulista de kickboxing, e o técnico Mangue Seco
Emanuelly Alecrim, vice-campeão paulista de kickboxing, e o técnico Mangue Seco (Foto: Leonardo Moniz/Líder Esportes)

Estreante no kickboxing, a jovem lutadora piracicabana Emanuelly Ferreira Alecrim, de apenas 14 anos, começou a trajetória no esporte com o vice-campeonato paulista. Manu, como é chamada pelos companheiros de equipe, treina há cerca de um ano na Mangue Team Fight com o ex-atleta e agora treinador Vitor Wagner ‘Mangue Seco’. A medalha de prata foi conquistada na modalidade kick light, pela categoria +65 kg (tatame). O evento aconteceu entre os dias 2 e 3 de abril no Ginásio Municipal Professor Hugo Ramos, em Mogi das Cruzes, e foi organizado pela Confederação Brasileira de Kickboxing (CBKB).

A segunda colocação no Estadual foi um ‘presente’ para Manu, que completa 15 anos no dia 25 de abril. De quebra, o resultado garantiu a ela a classificação para o 31º Campeonato Brasileiro de Kickboxing, agendado para o mês de junho, em Vitória (ES). “Foi a minha primeira competição, estava nervosa antes de lutar, mas quando entrei (no tatame), o nervosismo passou. Acho que fui bem. O resultado tem um significado especial para mim. Sei que ainda preciso evoluir bastante e o próximo objetivo é ir bem no Brasileiro. Quero continuar lutando para ganhar mais experiência”, falou a lutadora.

Manu, que está no nono ano do ensino fundamental, concilia atualmente os treinos com os estudos. Apaixonada pelo mundo das lutas, ela já tentou a sorte no karatê, mas foi no kickboxing que se encontrou. As artes marciais, inclusive, foram decisivas para o crescimento pessoal da atleta. “Aprendi a me defender, mas também a respeitar e conversar. Hoje eu sou uma pessoa bem mais tranquila, mas antes era muito briguenta (risos). Aprendi a me controlar. O meu professor é como um verdadeiro amigo que me dá bons conselhos. A presença dele é importante”, contou.

DESEMPENHO

Além de Manu, Matheus Camargo (kicklight, +94 kg, tatame) e João Vitor da Silva (kicklight, 63 kg, tatame) foram os representantes do Mangue Team Fight no Campeonato Paulista, evento que também marcou a estreia oficial da equipe na temporada 2022. O técnico, patrocinado pelo empresário Antônio Sérgio Guarnieri, elogiou o desempenho do grupo, que atualmente realiza os treinamentos no clube da Associação dos Funcionários Públicos Municipais de Piracicaba (AFPMP).

“A equipe está de parabéns, foi apenas a primeira competição do ano. A vida de treinador está sendo muito legal. É uma adrenalina diferente e prazerosa. Nossa expectativa agora é levar o time para o Brasileiro, vamos buscar os recursos para participar”, falou Mangue Seco, que completou elogiando a performance de Manu. “Ela está treinando conosco há um bom tempo, vai ganhar experiência e tem muito potencial. Fisicamente, ela está muito bem. A Manu ainda tem 14 anos, estreou agora com medalha no Paulista e acredito pode ir longe no esporte”, finalizou.

Voltar