fbpx
+ Esportes

Piracicaba recebe Desafio de Motonetas

Prova integra programação das 100 Milhas, neste domingo, no ECPA

Desafio de Motonetas
Aproximadamente 20 'relíquias' devem participar do Desafio de Motonetas no ECPA (Foto: Divulgação)

O Esporte Clube Piracicabano de Automobilismo terá neste fim de semana uma programação recheada de atrativos para os amantes da velocidade. Além de provas tradicionais, como as 50 e 100 Milhas Piracicaba, que fazem parte das comemorações ao aniversário de 250 anos da cidade, o autoclube recebe exposição de carros antigos, Track Day e o Desafio de Motonetas, prova que reúne Lambrettas e Vespas no autódromo piracicabano. O cronograma começa às 8h, com a corrida principal programada para as 13h.

A categoria chega a Piracicaba após a realização de uma etapa especial, em Araraquara, com quatro horas de resistência. No grid, serão quatro pilotos representando a Noiva da Colina: Edemir e Mauro Bellotti, Bruno Carradore e Mario Riveiro. A competição deve contar com aproximadamente 20 corredores do Estado de São Paulo.  “As vovozinhas mecânicas têm performance surpreendente. É um belo presente para os saudosistas e também para os mais novos, que podem conhecer um pouco mais da história do transporte em duas rodas nacional e mundial”, disse Mauro, que é filho de Edemir.

O Desafio de Motonetas foi criado entre amigos, que tinham em comum a paixão por motos antigas: Lambrettas, Scooter Vintage e Vespas. As ‘relíquias’ disputam provas no interior paulista e têm entre 65 e 30 anos. As motonetas são dividas em duas categorias: originais, sem modificações mecânicas ou estruturais; e especiais, que têm as estruturas com peso reduzido e motores ‘envenenados’. Os diâmetros cúbicos originais variam entre 125 e 200 cilindradas (com motores dois tempos e refrigerados à ar).

Voltar