fbpx

Líder Esportes

Automobilismo

Piloto de Capivari é campeão antecipado no ECPA

Rodrigo Stefanini vence título da Marcas & Pilotos pela terceira vez na carreira

Rodrigo Stefanini, campeão da Copa ECPA de Velocidade
Rodrigo Stefanini garantiu o tricampeonato: maior vencedor da competição (Foto: ECPA/Divulgação)

Rodrigo Stefanini conquistou no sábado (12) o título antecipado da Copa ECPA de Velocidade, categoria Marcas & Pilotos, divisão super, durante a sétima etapa realizada no Esporte Clube Piracicabano de Automobilismo. A conquista garantiu o tricampeonato ao piloto de Capivari. Com superioridade incontestável, Stefanini venceu as duas baterias disputadas no último fim de semana – em 2016, o piloto ainda faturou o título nas 100 Milhas Piracicaba. “É um ano para não esquecer, jamais”, declarou.

Stefanini é o maior vencedor da categoria o Marcas & Pilotos, criada em 2011, ano de seu primeiro título – o piloto de Capivari também levantou o caneco em 2014 e 2016. O piracicabano Rubinho Filippetti foi o vitorioso em 2012. Nas temporadas de 2013 e 2015, a classe super foi conquistada pelo paulista Alexandre Souza. A última etapa da Copa ECPA de Velocidade acontecerá nos dias 9 e 10 de dezembro, com as provas válidas pela oitava rodada da temporada.

RESULTADOS

 A decisão da classe light, divisão de acesso, ficou para a última etapa e promete ser emocionante. Com a vitória da dupla formada por Alejandro e Rodrigo Huidobro na primeira bateria e de Diogo Lapena na segunda prova do dia, o líder Rodrigo Tavares viu a diferença cair ainda mais para os demais competidores. A disputa entre os novatos também não teve a vitória do líder. Melhor para Carlos Freitas Gouveia, que voltou a vencer as duas baterias e deixou tudo incerto para a decisão dessa classe que é composta por pilotos iniciantes.

Na Fórmula Vee, Murillo Latorre voltou a vencer – e levou as duas provas da etapa. Na primeira bateria, a segunda colocação ficou com Thiago Keplmair, seguido por Cristiano Denardi. A segunda bateria teve Rodrigo Helal na segunda colocação, com Cristiano Denardi em terceiro. Já as provas da Fórmula 1.600, válidas pela Copa do Brasil, tiveram o piloto Edu Dias como principal nome do fim de semana, concluindo a etapa com a liderança do campeonato. Apesar da sexta posição na primeira bateria, o piloto venceu a segunda – a dupla piracicabana Bruno Leme e Rubinho Filippetti venceu a primeira prova.

Voltar