fbpx
Kickboxing

Piacentini vai em busca do penta na Copa Brasil

Lutador piracicabano volta aos ringues; prioridade é vencer os Jogos Abertos

Gustavo Piacentini, lutador de kickboxing
Gustavo Piacentini vai em busca do pentacampeonato da Copa Brasil (Foto: Leonardo Moniz/Líder Esportes)

Após quatro meses afastado dos ringues para se recuperar de lesões, o lutador piracicabano Gustavo Piacentini se prepara para voltar a competir. O primeiro desafio do atleta no segundo semestre será a Copa Brasil de Kickboxing, que acontece entre os dias 6 e 9 de setembro, em Mogi das Cruzes. A competição vale vaga para o Campeonato Pan-Americano, do qual o lutador é o atual campeão (faixa preta). O evento será realizado em Cancún, no México, em outubro. Piacentini busca o quinto título particular, desta vez na categoria 63,5 kg (low kicks).

As dificuldades que apareceram no caminho de Piacentini ao longo do ano não foram suficientes para desanimar o lutador, que está confiante na conquista do pentacampeonato. “A equipe foi muito efetiva e nós conseguimos reverter essa baixa e voltar ao rendimento esperado para essa competição. Eu já estou habituado à Copa do Brasil, participei e tive a oportunidade de vencer a competição várias vezes”, disse o atleta, que tem como preparador físico Bilico Carvalho e conta com o suporte dos treinadores Gustavo Zandoval, Marcos Ribeiro e Wilson Teodoro.

O fato de ficar afastado dos ringues e sem poder lutar é algo considerado negativo por Piacentini. Em contrapartida, o período de preparação foi mais longo que o habitual. “Apesar de ter mais tempo para treinar e recuperar de lesões, o ritmo de luta conta muito em competições grandes e um tempo sem lutar oficialmente deixa a gente um pouco mais frio na hora da primeira luta”, explicou o atleta, que conta com apoio da academia Fit Me e da MP Suplementos.

PRIORIDADE

A Copa Brasil de Kickboxing, além de marcar o retorno de Gustavo Piacentini, também servirá como teste para o lutador, que tem como principal objetivo neste semestre a disputa dos Jogos Abertos do Interior, que acontecem no mês de novembro, em São Carlos. “É o nosso principal objetivo. Sei da importância da competição para a nossa equipe, pelo momento de renovação que estamos vivendo, e também para a nossa cidade”, completou o piracicabano, que é recordista de medalhas de ouro nos Jogos Abertos, com seis conquistas.

Voltar