fbpx
Boxe

Centro Esportivo MR fecha GP com 2 medalhas

Bruno Paiva dificultou a vida do africano Etond Willian na decisão do GP

Gustavo Zandoval, atleta da equipe de boxe Luzitano Piracicaba
O pugilista Gustavo Zandoval ficou com a medalha de bronze no GP em Sorocaba (Foto: Líder Esportes)

O Centro Esportivo MR/Unimep/Selam/PDB/Fumdeca encerrou o Grand Prix LisoBoxe (Liga Sorocabana de Boxe) no último sábado (3) com duas medalhas. Bruno Paiva conquistou a prata na categoria 75 kg, enquanto Gustavo Zandoval encerrou a participação com o bronze na divisão +91 kg. Na decisão, Paiva fez luta parelha contra africano Etond Willian, da equipe Tony Boxe, mas acabou derrotado por pontos em combate disputado na academia Runner, em Sorocaba.

“O Bruno fez um primeiro round excelente e dificultou muito a vida do Etond. No segundo round, o adversário soube usar a experiência e percebeu a estratégia do Bruno, que continuou atacando muito, colocando muita força. No terceiro round, o Etond foi superior e aproveitou o melhor ritmo, afinal ele está quarta competição do ano”, avaliou o treinador de Piracicaba, Marcos Ribeiro, que agora volta as atenções para os Jogos Abertos do Interior, evento que será realizado na cidade de São Bernardo do Campo.

Durante o evento em Sorocaba, os professores de educação física que trabalham com o boxe foram homenageados pelo CREF-SP (Conselho Regional de Educação Física). “É algo muito gratificante para os educadores físicos que estão trabalhando com as artes marciais, é um reconhecimento muito importante”, disse Marcos Ribeiro. O técnico do Centro Esportivo MR/Unimep/Selam/PDB/Fumdeca também será homenageado nesta semana pela Câmara de Vereadores de Piracicaba, em virtude do Dia do Educador Físico, celebrado em 1º de setembro.

JUVENIL

Em paralelo ao Grand Prix LisoBoxe, a equipe piracicabana disputou o Campeonato Paulista juvenil, organizado pela Febesp (Federação de Boxe do Estado de São Paulo). Na decisão, o atleta Ramon Batagello perdeu por decisão unânime para Cauã Montenegro, de São José dos Campos. “Foi uma grande luta. O Batagello é um menino que tem um futuro promissor e, se continuar se dedicando, logo estará entre os melhores da categoria. Perdemos, mas saio contente com o que vi”, elogiou o técnico Marcos Ribeiro.

Voltar