fbpx
Opinião

Ótima pedida

*Capa: Geraldo Bubniak/CAP

A chegada do treinador Tiago Nunes ao Corinthians (só falta anunciar oficialmente) é uma ‘bola dentro’ da diretoria alvinegra. Depois de tanta incompetência demonstrada ao longo deste ano, o clube traz para 2020 um técnico da nova geração e com talento reconhecido por suas conquistas à frente do Athletico-PR. O presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, declarou na noite de quarta-feira (6) que o auxiliar técnico permanente do clube, o ex-jogador Coelho, fica no comando até o fim do Campeonato Brasileiro.

Mas o anúncio oficial do Tiago Nunes, que já deixou o Furacão, é uma questão de tempo. Fábio Carille nunca me convenceu. E não é somente porque saiu que falo isso. Já dizia desde sua primeira passagem. É competente, sabe trabalhar, mas tem um péssimo defeito: a arrogância. Pensa que sabe mais do que realmente sabe. Pensa que é o novo Oswaldo Brandão. O sucesso repentino subiu à cabeça e perdeu a noção. A maior falta de humildade foi colocar a culpa pelo fracasso corintiano nas últimas rodadas do Brasileirão 2019 no elenco de jogadores.

Nunca olhou para si próprio. Em atitudes dignas dos prepotentes, passou as últimas semanas a girar a ‘metralhadora’ para o elenco, no melhor estilo ‘eu venço e eles perdem’. Pegou mal! Assim como Carille, Tiago Nunes é um técnico jovem, porém, bastante rodado no futebol. Experiência é o que não lhe falta. O Corinthians será sua 12ª equipe como treinador principal, sem contar os clubes em que atuou como auxiliar. Tiago Nunes tem seis títulos no currículo, sendo que os principais são a Copa Sul-Americana (2018) e a Copa do Brasil (2019), ambas pelo Athletico-PR.

Com Tiago Nunes, o Timão segue apostando em novos nomes para o comando técnico. Depois de efetivar o próprio Carille em 2017, o Alvinegro apostou em Jair Ventura, em 2018, sem sucesso. Agora, com Tiago Nunes, o Corinthians busca mudar seu estilo de jogo de seus antecessores, já que o ex-comandante do Furacão gosta de seus times sempre no ataque. Vamos ver se isso se confirma.

Erivan Monteiro é jornalista e cronista esportivo

Voltar