fbpx
Opinião

Novo campeonato?

O Campeonato Brasileiro, que parecia decidido, ganhou emoção nos últimos dias com a incrível derrota do Corinthians para o Atlético-GO por 1×0, em Itaquera. Se a perda dos três pontos praticamente não deve alterar a folgada liderança corintiana (o Grêmio, que recebe o Sport neste sábado (2), pode reduzir a vantagem alvinegra para sete pontos), o que pega nesta história é a questão psicológica.

Será que a cabeça dos atletas corintianos está boa para absorver essa queda de rendimento? Pergunto isso porque, até aqui, o Corinthians foi soberano e não foi incomodado em nenhum momento. Agora, a tendência é sofrer mais pressão dos adversários para seguir perdendo pontos. Faltando 16 partidas para o término do Brasileirão, a hora da ‘virada’ (dizem os adversários) é agora.

Também entendo que as próximas cinco rodadas serão decisivas para dizer se o Corinthians confirmará o título ou não. Acredito que se fizer dez pontos ou mais dos 15 possíveis, estará consolidado o caneco. Se caso conquistar nove pontos ou menos, a situação vai ficar ainda mais indefinida, pois, neste cenário, os times que vêm atrás chegarão.

E essa sequência próxima não será das mais fáceis. São dois clássicos locais (Santos na Vila Belmiro e São Paulo no Morumbi); Vasco em Itaquera; Cruzeiro em Belo Horizonte; e Coritiba em Itaquera. No meio disso, ainda tem os dois jogos contra o Racing, pela Sul-Americana, sendo o primeiro duelo em São Paulo e o segundo na Argentina. É, talvez, o maior desafio dessa equipe comandada pelo técnico Fábio Carille.

O certo é que o inesperado revés para os lanternas goianos oxigenou o Brasileirão e fez ligar o alerta no time paulista. O Alvinegro vem ‘perdendo o gás’ em um momento importante; a zaga não tem a mesma eficiência, as laterais não marcam com a perfeição de outrora e o ataque sofre com a ‘Jôdependência’.

A queda de rendimento, após três rodadas do returno, mostra que a tendência corintiana é tentar administrar a ‘gordura’ feita no turno inicial e se manter na ponta. De fato, é um novo campeonato. Todos contra o Corinthians. E a pergunta que fica é: será que dará tempo de uma reviravolta? Vamos esperar dezembro chegar para ver no que dá. Façam suas apostas!

Erivan Monteiro é jornalista e cronista esportivo

Voltar