fbpx
Karatê

Natalia Brozulatto busca 10º título brasileiro

Atleta de Piracicaba viaja a Salvador e tenta décima conquista nacional

Natalia Brozulatto, campeã dos Jogos Pan-americanos de karatê
Natalia tenta o décimo título do Campeonato Brasileiro em Salvador (Foto: Leonardo Moniz/Líder Esportes)

Em busca do décimo título nacional da carreira, Natalia Brozulatto embarcou nesta terça-feira (10) para Salvador (BA). A capital baiana será palco a partir desta quarta-feira (11) para a fase final do Campeonato Brasileiro de Karatê. A atleta, que viajou ao lado do técnico Diego Spigolon, disputa a categoria -68 kg. A competição reúne 16 lutadoras. Depois de um mês na Europa, quando participou de três eventos internacionais, dois deles válidos pela Liga Mundial, Natalia Brozulatto volta ao cenário nacional com o objetivo de conquistar o ouro. A passagem pelo Velho Continente pode, inclusive, contribuir para a conquistar.

“Em termos de ritmo de competição, é uma coisa que eu adquiri há algum tempo, mas faltava ainda essa sequência internacional. A experiência sempre ajuda, o que vivi lá, o que eu passo aqui. Nesse sentido, os campeonatos que eu disputei na Europa podem trazer algo positivo”, afirmou a lutadora da equipe piracicabana Sport Way/Selam/Apreciate/Vertra/Tokaido. Natalia Brozulatto conquistou a vaga para a fase final do Brasileiro em junho. Na ocasião, a atleta faturou o título individual e por equipes na etapa classificatória realizada em Vitória (ES).

DÉCIMA

Nove vezes campeã brasileira, Natalia Brozulatto conseguiu o título pela primeira vez em 2006. Entre 2008 e 2014, a lutadora engatou uma série de oito conquistas consecutivas, sendo que em 2010 foram duas medalhas de ouro em categorias diferentes. Em 2015, após o ouro nos Jogos Pan-Americanos de Toronto, a atleta descobriu que estava grávida e precisou parar por dez meses, não participando do Nacional daquele ano. No ano passado, na retomada após o período de gestação e com a mão esquerda lesionada, ela conquistou a prata ao sofrer uma derrota por hantei na final.

“Sinto que estou em uma fase muito boa e tenho confiança que é o momento para voltar a ganhar o Brasileiro. Estou me sentindo muito bem e preparada para buscar o título”, completou a atleta, que é terceiro sargento do Exército Brasileiro. Além de nove vezes campeã brasileira, Natalia Brozulatto tem no currículo cinco títulos sul-americanos, medalha de ouro no US Open, prata na Copa do Mundo e mais quatro medalhas de bronze nos abertos de Alemanha, França e EUA. A piracicabana é ainda a atual campeã dos Jogos Pan-Americanos.

Voltar