fbpx
Kickboxing

Mangue Seco vai ao pódio 3 vezes no Sul-Americano

Experiente, o lutador piracicabano conseguiu um ouro e duas pratas em Lima, no Peru

*Capa: Líder Esportes

A viagem ao Peru rendeu três medalhas para o experiente lutador piracicabano Vitor Wagner, mais conhecido como ‘Mangue Seco’. O atleta da Company Top Fight trouxe para casa um ouro e duas pratas do Campeonato Sul-Americano de Kickboxing, que terminou no último domingo (17), em Lima. Mangue foi o campeão na modalidade point fight e ficou com o vice no kick light e light contact, ambos válidos pela categoria mástar 74 kg. O resultado foi satisfatório para o lutador.

“A participação foi positiva, é um orgulho para mim conquistar três medalhas em uma competição como o Sul-Americano”, afirmou o piracicabano, que está com 54 anos. “Sempre fui envolvido com esportes e gosto dessas experiências que temos nos campeonatos. A cada evento, temos que nos superar, tanto na preparação para apurar a técnica, quanto na perda de peso, além das dificuldades financeiras, mas entrar no tatame é uma grande vitória para mim”, destacou o atleta, que conta com o apoio do empresário Antonio Sergio Guarnieri.

PARCERIA

No que diz respeito aos resultados, Mangue Seco não pode reclamar do ano de 2019. Na atual temporada, o piracicabano medalhou na Copa do Brasil, Copa América, Campeonato Paulista e Brasileiro, além do Sul-Americano. “Pela minha idade, é o meu penúltimo ano no circuito, mas tenho a esperança de que a confederação autorize a minha continuidade no esporte”, disse o lutador. O próximo compromisso do piracicabano está agendado para o mês de dezembro, com a Copa Guanabara, no Rio de Janeiro.

Voltar