fbpx

Líder Esportes

Automobilismo

Leme recupera pontos, lidera e vai em busca do tri

Piloto piracicabano reassume liderança do Paulista restando duas etapas para o final

Bruno Leme, piloto de Fórmula 1.600 da equipe Alfia
Bruno Leme recuperou a liderança na Fórmula 1.600: tri está mais próximo (Foto: Marcus Vinicius Pavan)

A Fasp (Federação de Automobilismo de São Paulo) retirou a punição dada ao piracicabano Bruno Leme na oitava etapa do Campeonato Paulista de Fórmula 1.600, disputada no dia 29 de novembro, no autódromo de Interlagos, em São Paulo. O piloto da equipe Alfia havia sido desclassificado da primeira bateria, vencida por ele, em virtude de um acidente na terceira volta. Bruno Leme, que foi tocado na roda traseira esquerda (veja o vídeo abaixo), recorreu da decisão e teve o argumento aceito pela organização.

“O que aconteceu foi um toque que eu recebi na terceira volta da primeira corrida, bateram em mim na roda de trás, no lado esquerdo. Em vez de punir o piloto que causou o toque, eu fui punido! Varias pessoas, incluindo gente do staff de outras equipes, ficaram sem entender a decisão”, relatou Bruno Leme. Agora, com a vitória confirmada, o piracicabano depende apenas dos próprios resultados para conquistar o tricampeonato estadual da categoria. As duas últimas etapas serão realizadas em rodada dupla, marcada para os dias 18, 19 e 20 de dezembro, novamente em Interlagos.

CLASSIFICAÇÃO

Na pontuação geral, Oscar Moraes soma o total de 229 pontos, contra 211 de Bruno Leme e 190 de Lélio Assumpção. O regulamento da competição, porém, prevê o descarte dos cinco piores resultados ao longo da temporada. Pela regra, a classificação atualizada tem o piloto da equipe Alfia na liderança, com 189 pontos conquistados, quatro a mais do que o vice-líder Oscar Moraes. Com os descartes, Lélio Assumpção atinge 142 pontos e tem chances remotas de título.

Campeão em 2017 e 2019, Bruno Leme venceu seis provas e foi 11 vezes ao pódio em 2020, que teve até agora 16 corridas disputadas. Os resultados e a evolução mostrada pelo carro número 78 na etapa anterior deixam o piracicabano confiante para a conquista do terceiro título paulista da carreira na categoria. “Estamos na briga e vamos fazer o possível para vencer o campeonato. A cada corrida, é uma história diferente, mas vamos para Interlagos preparados para fazer o que sabemos na pista”, finalizou.

Voltar