fbpx
Opinião

Humildade, pés no chão e muita garra

Restando menos de 72 horas para o jogo decisivo da Copa Paulista, não dá para negar que a ansiedade já começa a tomar conta. Afinal, não está em jogo só o título, mas também uma vaga no Campeonato Brasileiro da Série D, que foi perseguida por cinco anos, sem obter sucesso. Em jogo, também, está a melhora da saúde financeira do clube. Com a disputa da final, o XV de Piracicaba acertou patrocínios pontuais e ainda negocia com um novo patrocinador para 2017. O nome é guardado a sete chaves e também entendo que não é o momento de divulgar. Nos bastidores, conseguimos descobrir que a situação está bem engatilhada e trata-se de um parceiro forte. Torço muito para que dê certo.

Falemos então da final da Copa Paulista, começando pelo capitão da equipe, Clayton. Sábia a decisão do jogador de disputar a final. Ele não deixará de se casar, apenas o fará com algumas horas de atraso. Em caso de título, a repercussão será muito grande e positiva ao atleta. Profissionalmente, podemos considerar seu melhor momento no XV, devido à possibilidade de levantar um título com o time da sua cidade, sendo o capitão da equipe. Isso sem contar que ele vem sendo um dos melhores jogadores da Copa Paulista.

Alguns até podem pensar: “Será que ele estará totalmente focado?” Sim, pois quando a bola rola, a adrenalina sobe e você só pensa em vencer. Outros podem até dizer: “Mas, e se ele tiver algum problema, contusão, como fica o casamento?” Bom, isso acaba sendo um risco a correr, devido a data ter sido marcada em reta final de competições no Brasil. Serão duas decisões importantes no mesmo dia, sejamos otimistas!

O adversário merece respeito. Ninguém faz a melhor campanha de uma competição sem querer. A Ferroviária é um bom time e bem armado. Muita atenção, XV! Humildade, pés no chão e muita garra são necessárias para se levantar um título. É momento de entrar para a história do clube. O principal objetivo da diretoria do XV na Copa Paulista era fazer uma base para a disputa da Série A2. O Alvinegro conseguiu ir além e briga pela taça. Com isso, propostas financeiras melhores vão surgir a muitos jogadores. Vai ser difícil segurar alguns atletas.

Marcelo Sá é radialista e jornalista na Rádio Jovem Pan News Piracicaba

Voltar