fbpx
Ciclismo

Green Piracicaba encerra Brasileiro em Paulínia

Marcos Novello e Joel Prado Júnior representaram a equipe piracicabana

Marcos Novello teve problemas na segunda volta da prova contrarrelógio em Paulínia (Foto: CBC/Divulgação)

Representada pelos ciclistas Joel Prado Júnior e Marcos Novello, a equipe Green Piracicaba/Caldeirão/Selam marcou presença no Campeonato Brasileiro de Estrada Elite, que aconteceu no último fim de semana, em Paulínia. O evento, organizado pela CBC (Confederação Brasileira de Ciclismo), contou com a participação de mais de 250 atletas. Na prova de contrarrelógio, Novello ficou em 23º lugar, após ter a bicicleta danificada. Joel foi o 13º colocado na estrada.

“Eu estava muito bem, com um excelente ritmo. Na segunda volta, quando ultrapassava um adversário, a bike bateu numa depressão do asfalto e quebrou o apoio do meu clipe. Essa situação impediu que eu apoiasse o braço e tirou completamente da briga por uma medalha”, lamentou Novello. Na prova de estrada, que teve a participação de mais de 160 atletas, os dois ciclistas de Piracicaba competiram, mas apenas Joel foi até o final. O 13º lugar veio após um gesto solidário do colega de equipe.

“Nós estávamos brigando pela vitória, mas o pneu dele furou em um momento crítico. O Joel era um dos favoritos. Não pensei duas vezes e dei a minha bike para ele. A estratégia deu certo e ele retornou ao grupo da frente, mas a situação da prova acabou mudando e ele não conseguiu a medalha. Foi um bom resultado diante das dificuldades que passamos”, contou Novello.

REESTREIA

O Brasileiro também marcou a reestreia de Joel Prado Júnior na equipe piracicabana. “Gostaria muito de ter feito um resultado melhor, mas fiquei muito contente com o 13º lugar e com o desempenho. O meu retorno foi pela amizade e por todo o esforço do Marcos Novello para me trazer de volta, e também por estar perto de casa (Joel é de Americana). Hoje, tenho como principais objetivos os Jogos Regionais e os Abertos, e também conseguir uma vaga para o Pan-Americano de Pista. Quero continuar somando pontos para tentar a classificação para a Copa do Mundo e aí, quem sabe, para as Olimpíadas”, finalizou o ciclista.

Voltar