fbpx

Líder Esportes

Futebol

Em duelo movimentado, XV sai na frente, mas cede empate ao Oeste

Érison abriu o placar e Zeca deixou tudo igual; as duas equipes seguem invictas na competição

*Capa: Élcio Fabretti

Oeste e XV de Piracicaba ficaram no empate por 1×1, na noite desta segunda-feira (26), na Arena Barueri, em jogo válido pela oitava rodada do Campeonato Paulista da Série A2. Érison abriu o placar para o Nhô Quim e Zeca empatou para os donos da casa ainda no primeiro tempo. Com o resultado, o Alvinegro chegou aos 18 pontos e caiu para o quarto lugar da competição – o Atibaia assumiu a terceira posição com o mesmo número de pontos. O próximo desafio da equipe piracicabana será nesta quarta-feira (28), às 22h, contra o Taubaté no estádio Barão da Serra Negra.

ESCALAÇÃO

Para o primeiro duelo da semana, o técnico Moisés Egert promoveu cinco mudanças na equipe titular. Com isso, o XV entrou em campo com: Matheus Nogueira; Léo Duarte, Renan Dutra, Maurício Ramos e Jefferson Recife; Felipe Manoel, Samuel Andrade e Mazinho; Guilherme Garré, Érison e Juninho Potiguar. Aos 16min do segundo tempo, o treinador tirou Érison e Juninho Potiguar e colocou Tito e Jean Dias no gramado. Aos 26min, Cleiton Savedra e Baraka ocuparam as vagas de Guilherme Garré e Felipe Manoel. Na última substituição alvinegra, Marlyson entrou para a saída de Léo Duarte.

RESUMO

O jogo foi bom e começou aberto em Barueri. As duas equipes iniciaram a partida trocando muitos passes e, na primeira chance mais clara, o Nhô Quim não desperdiçou a oportunidade e mostrou o cartão de visita. Aos 15min, Mazinho cobrou falta pelo lado direito e a bola sobrou livre para Érison estufar as redes: 1×0. Aos 22min, Bruno Miguel avançou pelo lado esquerdo e cruzou, Renan Dutra tentou cortar com o peito e quase marcou contra. O Alvinegro deu espaço para os donos da casa jogarem e aos 37min Raí Ramos colocou a bola na cabeça de Zeca, que empurrou para o gol para empatar a partida: 1×1.

No início da segunda etapa, o Oeste tentou pressionar o XV, mas não foi eficiente para construir jogadas de gol. Aos 7min, de bola parada, Guilherme Garré cobrou falta com perigo na entrada da área e tirou tinta da trave direita de Rodolfo. O Oeste melhorou: aos 23min, De Paula recebeu lançamento em profundidade pelo lado direito, avançou com liberdade e mandou para o gol, mas Matheus Nogueira defendeu sem dar rebote. Aos 28min, Raí Ramos arriscou de longe e falhou na conclusão. Na reta final da partida, os dois times passaram a administrar o placar que não foi mais alterado.

Voltar