fbpx
Futebol

Eficiente, ataque evita ‘perereco’ na defesa

100% na Copa Paulista, XV de Piracicaba comemora equilíbrio do time

Celsinho, atacante do XV de Piracicaba
O atacante Celsinho comemora a sequência de partidas no segundo semestre deste ano (Foto: Divulgação)

Após três rodadas, das 26 equipes que disputam a Copa Paulista, apenas XV de Piracicaba, São Carlos e São Caetano estão com 100% de aproveitamento de pontos. O ataque, setor que tirou o sono do torcedor por um bom tempo, também está funcionando. Com cinco gols marcados em dois jogos, o Alvinegro está atrás apenas de São Carlos e Independente, com seis gols cada. O bom momento vivido pelo Nhô Quim também se reflete na defesa.

Apenas XV de Piracicaba, Rio Claro, Red Bull e Ferroviária ainda não sofreram gol na Copa Paulista. Questionado sobre o assunto, o zagueiro Lucas Cunha dividiu os méritos com todo o grupo. “Eu acho que não é apenas o setor defensivo, já que o pessoal da frente tem iniciado a marcação. Se eles não efetuarem a marcação, vai causar um ‘perereco’ na defesa. É um conjunto todo que está focado e ouvindo as orientações do Cléber Gaúcho. Isso também é tática dele. Não sofrer gols é mérito do grupo todo”, disse Cunha.

SEQUÊNCIA

O atacante Celsinho viveu seu melhor momento no XV de Piracicaba na Copa Paulista de 2014, quando teve uma sequência de jogos. O time, que também era comandado pelo técnico Cléber Gaucho, foi eliminado na semifinal. Desde então, o jogador atuou pouco. “Prejudica demais, pois jogador precisa de sequência para mostrar o trabalho. No Paulistão, chegaram atletas mais rodados e isso fez com que eu tivesse menos oportunidades. Em 2014, tive uma sequência maior e acredito que agradei”, disse o atacante.

Voltar