fbpx
Ginástica Artística

Diogo Soares é campeão na estreia pelo Flamengo

Piracicabano conquista o ouro no solo no Troféu Brasil e ainda fatura mais três pratas

Diogo Soares, ginasta piracicabano do Flamengo
Diogo Soares brilhou na estreia vestindo o uniforme do Flamengo (Foto: Fernando Gomes/CBG)

Na primeira competição representando o Flamengo, Diogo Soares faturou quatro medalhas. O ginasta piracicabano conquistou o ouro no solo e três pratas no cavalo com alças, nas paralelas e na barra fixa do Troféu Brasil de Ginástica Artística, que terminou no último fim de semana, em Porto Alegre. O evento realizado no Ginásio da Sogipa também marcou a estreia do treinador Daniel Biscalchin no Rubro-Negro. “Gostei bastante dos resultados. Sempre vou cometer erros que vão me obrigar a voltar ao ginásio para treinar, mas no geral estou bem feliz”, afirmou o atleta.

De olho no Campeonato Pan-Americano, que acontece entre os dias 11 e 17 de julho, no Rio de Janeiro, e na possibilidade de conquistar uma vaga para o Mundial de Liverpool, Diogo brilhou no solo e garantiu o lugar mais alto do pódio com a nota de 13.733. “A competição não era o foco principal, mas volto para casa muito satisfeito e pronto para continuar trabalhando bastante, para corrigir o que não foi tão bom”, disse o piracicabano ao site da Confederação Brasileira de Ginástica (CBG).

Recém-contratado pelo Flamengo, Diogo tem apenas 20 anos e já soma duas medalhas nos Jogos Olímpicos da Juventude (Argentina, 2018), cinco pódios na Gymnasiade (Marrocos, 2018), o título de campeão brasileiro adulto (2019) e ainda uma medalha de uma prata nas argolas no Mundial Juvenil (Hungria, 2019). O piracicabano despertou a atenção do Rubro-Negro nas Olimpíadas de Tóquio, ano passado, quando foi finalista e obteve a 20ª colocação na disputa individual geral do torneio masculino de ginástica artística, com a nota final de 81.198 pontos. O atleta foi descoberto no esporte por Biscalchin, também piracicabano, com quem sempre treinou – são 16 anos de parceria.

Voltar