fbpx

Líder Esportes

Ginástica Artística

Diogo fecha Olimpíadas como 20º do mundo: ‘Sentimento de alegria’

Ginasta piracicabano encerra participação em Tóquio com boa apresentação e avisa: 'É possível ir mais longe nisso'

Diogo Soares, ginasta da Academia Pira Olímpica
Diogo Soares agora pensa no Campeonato Mundial, em outubro, novamente no Japão (Foto: Gaspar Nóbrega/COB)

O ginasta piracicabano Diogo Soares, de apenas 19 anos, encerrou a participação nos Jogos Olímpicos de Tóquio com a 20ª colocação na disputa individual geral do torneio masculino de ginástica artística. A competição foi realizada nesta quarta-feira (28) e teve como campeão o japonês Daiki Hashimoto. Xiao Ruoteng, da China, ficou com a prata, enquanto a medalha de bronze foi para o russo Nikita Nagornyy. Diogo fechou a série com a nota final de 81.198. O próximo compromisso do atleta, que foi revelado pelo PDB (Programa Desporto de Base), realizado pela Prefeitura de Piracicaba através da Selam (Secretaria de Esportes, Lazer e Atividades Motoras), é o Campeonato Mundial, que será disputado em outubro, também no Japão.

Diogo foi seguro nos seis aparelhos e iniciou a apresentação em Tóquio com a nota de 13.833 no salto. Na sequência, o ginasta garantiu 13.700 pontos nas paralelas. Na barra fixa, o atleta da Academia Pira Olímpica fez uma alteração em relação à série realizada na fase classificatória e a mudança surtiu efeito, elevando a nota de 13.233 para 13.466 pontos. O piracicabano ainda somou 14.133 no solo, 12.833 no cavalo e finalizou a participação com 13.233 pontos nas argolas. A 20ª colocação foi enaltecida pelo treinador Daniel Biscalchin, também piracicabano, com quem Diogo treina há 15 anos.

“Fiquei realmente muito satisfeito com a apresentação. Independente do resultado, estaria feliz pelo que o Diogo mostrou. Os ajustes que fizemos na barra fixa surtiram efeito e isso melhorou a nota dele. O trabalho continua, acredito que novas portas vão se abrir para nós. Foi uma participação muito positiva”, falou o técnico, que acompanhou o evento ao lado de amigos em Piracicaba. “A torcida foi enorme por ele, recebi centenas de mensagens e agradeço o apoio de quem torceu e vibrou junto. Esse reconhecimento faz a diferença”, afirmou.

Final Olímpica - Ginástica Artística

ALEGRIA

Estreante nos Jogos Olímpicos, Diogo Soares fechou a atuação em Tóquio com o sentimento de ‘alegria’ pela performance. O piracicabano disse que a primeira participação no evento não poderia ser melhor. “Eu tive alguns errinhos, mas foi do jeito que tinha de ser (a apresentação). Estou super feliz pelo que fiz e vi que é possível ir além no futuro, dá para sonhar alto. Não fiquei nervoso em momento algum, pois isso é algo que venho trabalhando desde pequeno com o meu técnico. Saio daqui com o sentimento de alegria e motivado para continuar”, destacou o ginasta.

Voltar