fbpx
Futebol Americano

Defesa segura Limeira e Cutters seguem vivos

Grande atuação do setor defensivo garante vitória ao time piracicabano

Piracicaba Cane Cutters 13x8 Limeira Tomahawk
Saulo teve papel importante no trabalho defensivo contra Limeira (Foto: Leonardo Moniz/Líder Esportes)

Os Cane Cutters continuam vivos na busca pela vaga aos playoffs da Taça 9 de Julho, competição organizada pela Fefasp (Federação de Futebol Americano de São Paulo). Com uma atuação praticamente perfeita da defesa, que não cedeu nenhum ponto ao adversário, o time piracicabano venceu o Limeira Tomahawk por 13×8, no último domingo (16), e segue com chances matemáticas de classificação no Grupo 2 do Interior. Na última rodada da primeira fase, os Cutters enfrentam o Araçatuba Touros e precisam da vitória a qualquer custo para avançar aos playoffs.

Sem local para jogar em Piracicaba, os Cane Cutters enfrentaram Limeira no Clube de Campo Empyreo, em Leme. Desfalcado do quarterback Yaggo Brito, lesionado, o time piracicabano anotou 13 pontos no primeiro tempo. Foram dois touchdowns, ambos em jogo corrido e pelo lado esquerdo, com os running backs Formiga e Botina. Após o intervalo, porém, o ataque parou de funcionar. “A vitória veio muito mais na base do coração do que na base da técnica. Do ponto de vista ofensivo, erramos muito, acho que jamais cometemos tantas faltas. Mas, é importante ressaltar que os dois touchdowns vieram em jogadas que treinamos, devido ao alinhamento defensivo adversário”, analisou o head coach Marco Bucci.

‘MURALHA’

Se o ataque cometeu muitos erros, a defesa dos Cane Cutters teve sua melhor atuação na temporada e foi fundamental para consolidar a ‘revanche’ – em 2015, a equipe de Limeira impôs aos piracicabanos uma derrota amarga pelo placar de 16×13, de virada, também pela Taça 9 de Julho. Os oito pontos anotados pelos limeirenses foram frutos de falhas ofensivas dos Cane Cutters; no período em que esteve em campo, o ataque do Limeira Tomahawk passou ‘em branco’.

“A nossa defesa foi praticamente perfeita e fez um ótimo trabalho, com poucos erros e em nenhum dos casos o ataque de Limeira conseguiu pontuar”, completou Bucci. O sistema defensivo dos Cutters fechou o jogo com quatro interceptações e ainda forçou dois fumbles. Pelo lado de Limeira, os oito pontos foram conquistados após o quarterback improvisado Renan Righetto ser interceptado com retorno para touchdown sem conversão do ponto extra, além de um safety.

Voltar