fbpx

Líder Esportes

Futebol

De novo! XV entrega no final e perde para o São Caetano

Alvinegro marca aos 40min do segundo tempo, permite virada e segue na zona de rebaixamento

São Caetano x XV de Piracicaba - Campeonato Paulista Série A2 2020
São Caetano e XV de Piracicaba fizeram jogo equilibrado no Grande ABC (Foto: Leonardo Lima/AD São Caetano)

*Capa: Leonardo Lima/AD São Caetano

A palavra crise já ronda o XV de Piracicaba. O Alvinegro continua sem vencer no Campeonato Paulista da Série A2. Em jogo válido pela terceira rodada, nesta quarta-feira (29), no estádio Anacleto Campanella, o Nhô Quim perdeu para o São Caetano por 2×1, de virada, depois de abrir o placar aos 40min do segundo tempo. No momento, o XV é o 15º colocado, com um ponto, na zona de rebaixamento. O time piracicabano entra em campo novamente no próximo sábado (1º), às 19h, quando recebe o São Bento no Barão da Serra Negra. Na sequência, estreia na Copa do Brasil, novamente em casa, contra o Londrina-PR.

O jogo no ABC começou com susto para o Alvinegro. Aos 7min, Calyson ganhou na velocidade do zagueiro Paulão, que foi titular na vaga do lesionado Gilberto Alemão, e partiu em velocidade da linha de meio-campo contra o goleiro Mota. O camisa 12 fez excelente defesa para salvar o Nhô Quim. A equipe piracicabana forçava as jogadas pelas laterais, apostando nas ultrapassagens de Assis e Jéfferson Feijão. Aos 29min, Paulão lançou para Feijão, que cruzou na medida para Macena. O atacante cabeceou mal e a bola ficou com o volante Bruno Lima, que furou na risca da pequena área.

A resposta do Azulão veio aos 34min. Após lance iniciado pela esquerda do ataque, Jean Dias mandou uma ‘bomba’ da entrada da área e o goleiro Mota espalmou para escanteio, na última chance da etapa inicial. Na volta para o segundo tempo, o técnico Alexandre Gallo mexeu duas vezes no São Caetano, com Anderson Rosa e Marlon nos lugares de Emerson Santos e Calyson, respectivamente. No XV, Tarcísio Pugliese retornou com a formação inicial, mas não demorou para tirar o apagado Marcelinho – Érik Gabriel entrou em campo.

São Caetano x XV de Piracicaba - Campeonato Paulista Série A2 2020

Bruno Lima, em lance da partida realizada no estádio Anacleto Campanella (Foto: Leonardo Lima/AD São Caetano)

Aos 7min, Macena desperdiçou ótima ocasião para abrir o placar. O atacante ficou com a bola limpa depois de um erro do ala Alex Reinaldo, mas isolou pelo alto na finalização. O camisa 9 seria substituído por Caio Mancha. Aos 13min, o Azulão teve a chance para marcar, mas não aproveitou a falha na saída de bola do Alvinegro. Jean Dias invadiu a área pelo lado direito e chutou rasteiro para fora. A equipe do ABC levou perigo novamente aos 17min, em cobrança de falta de Alex Reinaldo. Após confusão na pequena área, o zagueiro Diego Jussani evitou o gol do São Caetano.

ENTREGOU

A última mudança de Pugliese foi ofensiva: o volante Samuel Andrade saiu para a entrada do atacante Érison. Aos 29min, foi a vez do XV ameaçar o adversário na bola parada. Filipe Cirne bateu falta que o goleiro Luiz Daniel defendeu com dificuldade. O duelo estava aberto: o Azulão carimbou o travessão de Mota aos 35min, em jogada individual de Ronaldo; no contra-ataque, Érison exigiu difícil intervenção de Luiz Daniel. Aos 40min, o time piracicabano marcou. Filipe Cirne bateu escanteio na cabeça de Jussani, que subiu bem para inaugurar o marcador: 1×0.

Mais uma vez, o XV de Piracicaba deixou o resultado escapar. Aos 43min, o São Caetano empatou de forma idêntica: o atacante Marlon cabeceou livre de marcação e deixou tudo igual no Anacleto Campanella. O pior ainda estaria por vir para o Alvinegro. No último minuto do confronto, a equipe do ABC levantou a bola na área novamente e a zaga quinzista vacilou de novo. Diego Jussani foi o responsável por desviar e marcar contra para dar números finais ao placar: 2×1 para o São Caetano.

FICHA TÉCNICA

2   SÃO CAETANO

Luiz Daniel; Júnior Alves, Sandoval e Salustiano; Esley, Alex Reinaldo, Wanderson e Emerson Santos (Anderson Rosa); Jean Dias (Marcos Vinícius), Ronaldo e Calyson (Marlon). Técnico: Alexandre Gallo

1   XV DE PIRACICABA

Mota; Jéfferson Feijão, Paulão, Diego Jussani e Assis; Bruno Lima, Samuel Andrade (Érison) e Filipe Cirne; Kadu, Marcelinho (Érik Gabriel) e Raphael Macena (Caio Mancha). Técnico: Tarcísio Pugliese

Gols: Diego Jussani (XV) aos 40min, Marlon (SCA) aos 43min e Diego Jussani (SCA) aos 45min/2ºT | Árbitro: Douglas Marques das Flores | Cartões amarelos: Alex Reinaldo e Sandoval (SCA); Bruno Lima (XV) | Público: 345 pagantes | Renda: R$ 2.270,00

Voltar