fbpx
+ Esportes

Dança de Salão encerra Olimpíada da 3ª Idade

Atual edição contou com a participação de aproximadamente 2.000 pessoas

Olimpíada da Terceira Idade - Dança de Salão 2018
A dança de salão foi o desfecho da edição 2018 da Olimpíada da Terceira Idade (Foto: Selam/Divulgação)

Realizada na última quarta-feira (26), no Clube de Campo de Piracicaba, a competição de dança de salão marcou o encerramento da 14ª Olimpíada Municipal da Terceira Idade. A atual edição contou com a presença de 40 grupos, totalizando cerca de 2.000 pessoas participantes ao longo de quase um mês de disputas. A atividade foi realizada pela Selam (Secretaria de Esportes, Lazer e Atividades Motoras) e Fundo Social de Solidariedade, em parceria com as secretarias de Desenvolvimento Social, Saúde, e Ação Cultural e Turismo.

Os resultados da dança de salão foram os seguintes: na categoria 3 (+70 anos), o Cidade Alta ficou com a primeira posição, seguido por Nipo Clube e São Pedro. Na categoria 2 (+60 anos), houve vitoria do Nipo Clube, com São Pedro e Estação Idoso em segundo e terceiro lugares, respectivamente. Na categoria 1 (+50 anos), a primeira colocação ficou com o Palacete da Dança, seguido por Nipo Clube e Macroginástica. Na especial, para profissionais de dança e amadores, a primeira posição ficou com o grupo Entre Amigos, com o Nipo Clube em segundo e, em terceiro, os Habilidosos.

PREMIAÇÃO

Na ocasião, foram premiados Zélia Menegatti e Oscar Oliveira como casal destaque, e Pedro Romanini e Deuzenir Santos como atletas revelação. Elisabete Sato, do Nipo Clube, foi homenageada como coordenadora destaque. O pontos alto da cerimônia de encerramento foi a entrega do troféu Felício Latanze, que morreu em maio, aos 87 anos, tendo participado de várias edições da Olimpíada. O título foi entregue pela coordenadora da Seleção Piracicabana da Terceira Idade, Marlene de Lima, para o grupo campeão da modalidade.

O evento no Clube de Campo de Piracicaba contou também com as presenças do secretário de Esportes, Lazer e Atividades Motoras, Pedro Mello; secretária de Desenvolvimento Social, Eliete Nunes; presidente do Fundo Social de Solidariedade, Sandra Negri; e do vereador André Bandeira (PSDB), representante do Poder Legislativo.

Voltar