fbpx
Futebol Americano

Cutters amarga derrotas no feminino e masculino

Equipe é eliminada na Taça 9 de Julho e fica em sexto no Circuito Nacional

*Fotos: Mauricio Bento/Líder Esportes

Com cinco derrotas em cinco jogos disputados, a equipe feminina de flag 5×5 do Piracicaba Cane Cutters encerrou a participação nos playoffs do Circuito Nacional de Flag Football em sexto lugar. Na ocasião, as piracicabanas enfrentaram times de Brasília, Campo Grande, Rio de Janeiro e São Paulo. Os jogos foram disputados no último fim de semana, na capital paulista. O título ficou com a representação do Antares Football, enquanto o vice-campeonato foi conquistado pelos Cobras.

No primeiro confronto do sábado (24), contra o time campeão, a equipe piracicabana foi derrotada por 32×0. No embate seguinte, os Cane Cutters perderam para o Jacarés Pantanal pelo placar de 39×12. Na terceira partida, derrota por 34×7 para o Brasília Selvagens. No domingo (25), no quarto confronto da competição, o primeiro resultado foi de 46×12 para os Cobras, e fechando a participação, o time piracicabano sofreu um revés por 13×7 para o Palmeiras Locomotives.

Paulinha Asbahr, jogadora de futebol americano do Piracicaba Cane Cutters

Além da chuva que deixou o campo pesado, os obstáculos enfrentados pela equipe eram esperados pelo gestor Kleber Caneva. “Sabíamos que teríamos dificuldades pelo elenco reduzido, devido aos afastamentos e, principalmente, pelas lesões que aconteceram no último mês”, disse Caneva. A grande quantidade de jogos em pouco tempo também pesou. “Como São Paulo tem o maior campeonato do Brasil, tivemos mais jogos que as equipes de outros Estados, e as decisões acontecem na mesma época. Nós e o Palmeiras sofremos com isso”, completou o gestor.

MASCULINO

O fim de semana também não foi positivo para a equipe masculina de full pad do Piracicaba Cane Cutters. Em jogo valendo vaga inédita na decisão da Taça 9 de Julho, o time piracicabano foi derrotado pela segunda vez consecutiva pela Inter de Limeira Tomahawk, por 13×9, e acabou eliminado da competição. A partida aconteceu debaixo de muita chuva no Estádio Fernando de Marco, em Capivari. As condições climáticas, inclusive, quase provocaram o adiamento do confronto.

“O clima prejudicou um pouco a confiança do ataque no começo do jogo e, na hora da conversão do touchdown (principal pontuação do jogo), houve algumas falhas. Depois, no último quarto do jogo, quando todos estavam engajados, quando colocamos a mente no lugar e mudamos nossa atitude, conseguimos ir muito bem. Se tivéssemos jogado assim durante toda a partida, teríamos ganhado. Foi uma derrota para nós mesmos”, disse o linebacker João Cassieri Júnior.

A programação dos Cutters na sequência da temporada inclui descanso e recuperação, principalmente para os jogadores lesionados, e também a seletiva de novos atletas que devem começar a preparação ainda neste ano. “No começo de 2019 voltaremos com força total, algumas mudanças e correção dos erros e problemas. O foco será na SPFL (São Paulo Football League), com o objetivo de, no mínimo, chegar aos playoffs e fazer uma campanha melhor do que em 2018”, finalizou Cassieri.

Voltar