fbpx
Futebol

Corinthians 1×0 XV de Piracicaba – Notas

Apesar de o XV de Piracicaba ter sido defensivo em Itaquera, um atacante foi o melhor jogador da equipe na derrota por 1×0 para o Corinthians, neste domingo (31). O jogo marcou a estreia do time piracicabano no Campeonato Paulista. O camisa 9 do Nhô Quim, Rodrigo Silva, obviamente não fez gol, mas mostrou que o Alvinegro tem um centroavante com aptidões que vão além de balançar a rede. Confira as notas do LÍDER:

RODRIGO SILVA

 

Rodrigo Silva – Foi o melhor do XV em campo. Era o desafogo de um time que estava retrancado, principalmente no primeiro tempo. Segurou a bola na frente, finalizou e abriu espaço para os companheiros de ataque, que, para seu azar, não tiveram boa atuação neste domingo. (Nota: 6,5)

Bruno Brígido Passou segurança, principalmente nos lances em que precisou sair do gol. (6)
Daniel Damião Cumpriu bem seu papel de marcar posição no sistema defensivo. (5)
Fábio Sanches Sobressaiu-se nas jogadas aéreas, tanto ofensivas como defensivas, mas se atrapalhou no gol corintiano. (5,5)
Heitor Apesar do pênalti, que cometeu sem qualquer intenção, mostrou bom posicionamento. (5,5)
Julinho Devido ao jogo proposto por Claudinho Batista, não utilizou sua maior característica, que é a ofensividade, mas atuou de maneira segura defensivamente. (5)
Magal Firme e ao mesmo tempo tranquilo na proteção à zaga, mas caiu de produção no segundo tempo.  (6)
Léo Salino Contribuiu pouco com a saída de bola, principalmente no primeiro tempo, e perdeu a bola que deu origem ao gol do Corinthians. (4,5)
Henrique Santos Ofereceu pouco perigo para a defesa corintiana e, quando atuou pela direita, raramente se apresentava para os ataques. (4,5)
Aloísio Foi bem nos lances de bola parada, mas não chamou a responsabilidade para armar as jogadas e não se aproximava de Rodrigo Silva nos ataques. (4,5)
Diney Tentou jogadas individuais e encontrou alguns espaços pelo lado esquerdo, mas foi pouco efetivo. (5)
Adriano Ferreira Entrou para atuar como meia-direita e, com boa presença, fez com que a equipe jogasse mais por esse lado. (5,5)
Lucas Pavone Entrou no lugar de Julinho, que estava aparentemente cansado, e não comprometeu. (5)
Patrick Diferente de Rodrigo Silva, jogou mais pela direita, mas não achou espaços para se aproximar do gol. (5)
Claudinho Batista Armou bem a equipe, esperou o Corinthians no primeiro tempo e assustou o adversário em lances de bola parada. Pecou pela falta de ambição no fim da partida. (5,5)
Voltar