fbpx

Líder Esportes

Boxe

Confiante, Batagello quer título brasileiro para fechar 2020

Pugilista piracicabano disputa 75ª edição do Campeonato Brasileiro de Boxe neste sábado (5)

Ramon Batagello, pugilista do Centro Esportivo MR
O piracicabano Ramon Batagello quer o título do Campeonato Brasileiro em 2020 (Foto: Arquivo Pessoal)

Começa no próximo sábado (5), em São Paulo, a 75ª edição do Campeonato Brasileiro de Boxe, evento que reúne os principais nomes da modalidade em ringue instalado no Hotel Excelsior. A competição, organizada pela CBBoxe (Confederação Brasileira de Boxe), termina no dia 13 de dezembro. Em 2020, o torneio adotará um protocolo de segurança em virtude da pandemia causada pelo novo coronavírus – com pelo menos 72 horas antes do início do Brasileiro, os participantes deverão apresentar testes negativos para Covid-19.

Piracicaba terá um representante na categoria super pesado (+91 kg). Campeão paulista pela Febesp (Federação de Boxe do Estado de São Paulo) em 2019, Ramon Batagello quer o título nacional na volta aos ringues. O atleta do Centro Esportivo MR está confiante para o desafio na capital paulista. “A expectativa é boa, estou voltando de lesão, mas confiante em fazer um bom campeonato. Não participo de lutas há praticamente um ano e isso quebra um pouco o ritmo, mas treinei forte e estou bem preparado. Chego em um bom momento para o Brasileiro”, disse.

PREPARAÇÃO

Apesar do longo período de inatividade, devido à pandemia, Batagello garante que a preparação para o Campeonato Brasileiro foi positiva. De acordo com o pugilista, foram quase três meses de trabalho com o foco voltado para a competição. O piracicabano realizou intercâmbio por cerca de 60 dias com a equipe Coliseu Boxe Center, em São Paulo. De volta para casa, Batagello encerrou a preparação física e técnica com os treinadores Marcos Ribeiro e Gustavo Zandoval.

“Fiz dois meses de intercâmbio com atletas profissionais e de alto rendimento que me ajudaram bastante. Aqui em Piracicaba, (treinei) um mês com os professores Marcos e Zandoval. Vou para cima, estou bem confiante. Já lutei contra os adversários da chave e já os venci, inclusive”, relatou Batagello, que se recupera de uma lesão na mão, o que segundo ele não será um problema. “Não estou totalmente recuperado, mas vou dar o meu melhor para tentar ser campeão brasileiro. O objetivo é esse”, completou o piracicabano.

Voltar