fbpx
Futebol

Como pediu Moisés, XV monta elenco ‘acostumado a vencer’

Alvinegro já soma 10 reforços e está perto de anunciar mais um goleiro para a Série A2 do Paulista

Adalberto, zagueiro do XV de Piracicaba
Adalberto foi campeão brasileiro da Série C com a camisa do Vila Nova-GO (Foto: Douglas Monteiro/VNFC)

“A palavra é reconstrução, vamos começar praticamente do zero. O objetivo é montar um grupo forte, com jogadores acostumados a vencer”. O pedido realizado pelo técnico Moisés Egert em outubro do ano passado, quando foi apresentado como técnico do XV de Piracicaba, tem sido atendido pela diretoria do clube na montagem do elenco que vai disputar a Série A2 do Campeonato Paulista. O treinador já conta com dez reforços para a estreia, que acontece no dia 28 de fevereiro, fora de casa, contra o Sertãozinho.

A décima contratação foi anunciada nesta terça-feira (2): o zagueiro Adalberto, reforço que se encaixa no perfil solicitado pelo técnico do Nhô Quim. O jogador de 33 anos foi titular absoluto com o Vila Nova-GO na temporada 2020 e chega ao Barão da Serra Negra logo após conquistar o título brasileiro da Série C. O defensor, que ao longo da carreira atuou por ABC-RN, América-MG, CSA-AL, Fortaleza e Náutico, se apresenta ao time piracicabano no próximo sábado (6).

O 11º reforço ainda não foi oficializado, mas deve ser o goleiro Tony, que atualmente defende Aparecidense-GO no Campeonato Goiano 2020 – a equipe enfrenta o Goiás nas quartas de final. A informação foi divulgada nesta quarta-feira (3) pelo repórter Marcelo Sá. Natural de Rio Verde (GO), Tony construiu boa parte da carreira no futebol português. O goleiro de 28 anos vestiu as camisas de União Madeira, Leixões e Cova da Piedade, respectivamente, entre 2016 e 2020. Restando 25 dias para a estreia, o elenco não esconde o otimismo.

Marlyson, atacante do XV de Piracicaba

Destaque do São Bernardo na Série A2 do Paulista 2020, Marlyson foi contratado pelo XV (Foto: Divulgação)

“A expectativa é muito boa. O XV vem brigando sempre na parte de cima da tabela e, para os jogadores, nada é melhor do que isso. Sabemos que, se subirmos de divisão, colocaremos nosso nome na história do clube”, disse o volante Maicon Souza, que foi apresentado na última segunda-feira (1º) e retorna ao futebol paulista após passagens por Bragantino, Inter de Limeira, Mirassol, Palmeiras-B, Red Bull, São Bento e Rio Claro, onde iniciou a trajetória profissional. Fora do país, o jogador atuou no Japão e na República Tcheca.

Campeão da Copa do Brasil pelo Palmeiras, em 2012, Mazinho foi o artilheiro da Série B do Campeonato Brasileiro, em 2017. No ano seguinte, conquistou com o Oeste o acesso para a Série A1 do Paulista, feito que espera repetir agora em Piracicaba. “O torcedor pode esperar bastante luta. Estamos nos preparando forte para começarmos com o pé direito, realizarmos uma grande competição e assim conquistarmos o acesso”, afirmou o atacante, que já defendeu Coritiba, São Caetano e o Vissel Kobe, do Japão.

Voltar