fbpx
Futebol Americano

Cutters perde em casa para o Americana Weavers

A equipe piracicabana sofre a segunda derrota no Campeonato Paulista de Flag

Luiz Franco, head coach da equipe de flag football dos Cane Cutters
Luiz Franco elogia o ataque, mas quer corrigir a parte defensiva da equipe (Foto: Líder Esportes)

Ainda sem vencer na Conferência Caipira do Campeonato Paulista de Flag 8×8, modalidade do futebol americano, o Piracicaba Cane Cutters perdeu o segundo jogo consecutivo na competição estadual. A derrota desta vez foi para o Americana Weavers por 30×17, em partida realizada no último fim de semana, no campo do Parque da Rua do Porto. A equipe piracicabana volta a jogar no dia 16 junho, contra o São Paulo Tigers, na capital.

Apesar do revés, o head coach Luiz Franco faz uma avaliação positiva da parte ofensiva da equipe. “Nós trabalhamos muito o ataque e isso produziu um ótimo resultado se compararmos com a pontuação que fizemos nos últimos jogos. A minha falha foi considerar que a nossa defesa, que sempre foi muito efetiva, não precisava de uma atenção maior. O adversário nos estudou muito e conseguiu levantar algumas vulnerabilidades que tínhamos na parte defensiva”, disse o técnico.

Com pouco menos de 20 dias de preparação antes do próximo confronto, a comissão técnica traçou algumas metas para o intervalo antes do duelo em São Paulo. “A equipe dos Tigers é eficiente e chegou nas semifinais da Conferência Metropolitana do ano passado. O nosso objetivo é manter o trabalho que está dando resultados com o ataque e aproveitar para corrigir as deficiências que a defesa apresentou no último jogo”, concluiu Franco.

SPFL

O time de tackle (equipado) do Piracicaba Cane Cutters se despediu no último fim de semana da SPFL (São Paulo Football League) com uma derrota para o Leme Lizards, pelo placar de 40×2. A partida foi realizada no Estádio Municipal Massud Coury, na cidade de Rio das Pedras. Sem conseguir a classificação para os playoffs, a equipe piracicabana obteve uma única vitória na competição, que veio por conta da desistência do ABC Corsarios.

Voltar