fbpx
Futebol

Caldeirão encerra participação no Paulista Sub-17

Equipe piracicabana fecha o Estadual com saldo positivo e agora pensa nos Abertos

Após o Paulista, a equipe do Caldeirão prepara-se para os Jogos Abertos do Interior (Foto: Líder Esportes)

A equipe feminina sub-17 do Caldeirão Futebol Clube encerrou no último fim de semana a participação na segunda fase do Campeonato Paulista da categoria. Jogando no Parque São Jorge, em São Paulo, o time piracicabano perdeu para o Corinthians por 2×1. Ellen marcou o gol do Caldeirão, enquanto Kamile e Maria, cobrando pênalti, fizeram para o Timão. Com o resultado, o elenco comandado pelo técnico Leandro Silva ficou com o quarto lugar no Grupo 6. Apesar da eliminação, o treinador enalteceu a campanha feita pelo grupo na competição estadual.

“A avaliação é super positiva diante do que foi feito. Na primeira fase, caímos na chave mais difícil, enfrentamos o atual bicampeão (São Paulo) e o vice, que é o Audax, que possui uma das melhores estruturas do futebol feminino no Brasil. Nós conseguimos a classificação eliminando o Audax e foi um passo muito positivo, um degrau muito bom que nós subimos. Agora, é dar continuidade com o trabalho. Vamos reformular parte do elenco, buscando reforços para alcançar os nossos objetivos”, afirmou o treinador.

Em 2020, o Caldeirão deve disputar o Campeonato Paulista Adulto. A meta é conquistar uma vaga para o Brasileiro, como aconteceu em 2017. Antes, porém, a equipe representa Piracicaba nos Jogos Abertos do Interior, que começam nesta semana, na cidade de Marília. Campeão em 2014, o time piracicabano inicia a busca pelo bi contra as representações de Franca, Marília e São José do Rio Preto, na fase de classificação. “Vamos buscar a melhor colocação possível para Piracicaba”, garantiu Leandro Silva.

PROJETO

O Caldeirão é responsável pelo desenvolvimento do futebol feminino em Piracicaba. O projeto foi aprovado via chamamento público, em parceria com a Selam (Secretaria de Esportes, Lazer e Atividades Motoras), e atende meninas com idade mínima de 7 anos. As aulas são gratuitas e acontecem em três núcleos: Associação dos Funcionários Públicos Municipais de Piracicaba (segunda e quarta-feira, das 19h às 21h), Área de Lazer da Rua do Porto (sábado, das 9h às 10h30) e Tiro de Guerra (equipe de competição, segunda a sábado, das 15h às 17h).

“O projeto está cada vez se consolidando mais, com muitas meninas procurando. Temos um trabalho com aproximadamente 85 meninas, sendo que 90% delas têm entre 10 e 15 anos. Para o Paulista, o nosso elenco foi montado faltando cerca de 20 dias para o início da competição, com algumas meninas da região e uma parceria que fizemos com o XV para a alimentação. Apesar das dificuldades, montamos uma equipe competitiva, mas que ainda precisa amadurecer. Muitas atletas ainda não tinham participado de um campeonato oficial”, finalizou o treinador.

Voltar