fbpx
Lutas

Bulldoguinho é derrotado na estreia pelo UFC

Piracicabano mostra raça, mas acaba finalizado com um katagatame no 3º round

Bruno Bulldoguinho mostrou raça, mas acabou derrotado na estreia pelo UFC (Foto: UFC/Facebook)

O lutador piracicabano Bruno Silva, o Bulldoguinho, estreou com derrota no UFC (Ultimate Fighting Championship), principal organização de MMA (sigla em inglês para artes marciais mistas) do mundo. O evento aconteceu neste sábado (5), no Marvel Stadium, em Melbourne, na Austrália. Bruno enfrentou o alemão de origem libanesa Khalid Taha, no peso galo, pelo card preliminar do UFC 243. O piracicabano perdeu o primeiro round, recuperou-se no segundo, mas foi finalizado com um katagatame aos três minutos do terceiro round.

No duelo principal da noite, valendo a unificação do cinturão do peso médio, o nigeriano Israel Adesanya conquistou o título linear da categoria com uma vitória sobre Robert Whittaker por nocaute técnico no segundo round. O australiano compensou a desvantagem de envergadura encurtando a distância com sequências de golpes no início do combate. A luta foi equilibrada até os segundos finais do assalto, quando Adesanya aplicou um knockdown.

Whittaker se recuperou no intervalo e voltou com a mesma estratégia para o segundo round. Ambos conectaram bons golpes, mas novamente quem acertou o melhor soco foi Adesanya, levando Whittaker novamente ao chão. Desta vez, o nigeriano não deu chance de recuperação ao australiano, conectando mais um golpe até a intervenção do árbitro Marc Goddard. O triunfo de Adesanya encerra uma sequência de oito vitórias seguidas de Whittaker entre os pesos médios. O novo campeão linear ampliou o cartel invicto no MMA: 18 lutas e 18 vitórias.

*Informações: UFC/Site Oficial

Voltar