fbpx

Líder Esportes

Automobilismo

Bruno Leme estreia no Paulista como rival a ser batido

Campeão em 3 dos últimos 4 campeonatos, piracicabano quer manter hegemonia nas pistas

Bruno Leme, piloto da equipe Alfia de Fórmula 1.600
Bruno Leme vai em busca do quarto título do Campeonato Paulista (Foto: Marcus Pavan Fotografia)

Começa neste fim de semana, no autódromo de Interlagos, em São Paulo, o Campeonato Paulista de Fórmula 1.600, competição organizada pela Fasp (Federação de Automobilismo de São Paulo). A programação tem início nesta sexta-feira (5), com o treino livre agendado para as 10h55 e a classificação marcada para as 14h55. A rodada dupla tem a primeira prova no sábado (6), com a largada prevista para as 13h45. A segunda bateria da primeira etapa acontece no domingo (7), às 10h15.

Tricampeão da categoria, o piracicabano Bruno Leme entra na pista para consolidar a hegemonia na Fórmula 1.600 – o piloto da equipe Alfia venceu três das últimas quatro edições do Estadual: 2017, 2019 e 2020. “A expectativa para a temporada é muito boa. Encerramos o ano passado com quatro vitórias consecutivas e o carro evoluindo a cada etapa. No automobilismo, vários fatores levam ao resultado positivo. Esperamos repetir o feito novamente”, afirmou o dono do carro número 78.

A boa campanha em 2020 justifica a confiança de Bruno Leme. Na ocasião, o piloto da Alfia disputou 20 corridas e venceu dez provas. De quebra, ele subiu ao pódio em mais cinco oportunidades, sendo três vezes em segundo lugar e em mais duas ocasiões na terceira colocação. No ano passado, a equipe piracicabana também garantiu o vice-campeonato na categoria light da Fórmula 1.600, com o piloto Edu Vale. “Será um ano de muito trabalho, o que vai exigir dedicação e esforço. Vamos dar o nosso melhor em busca do tetracampeonato”, disse.

REGULAMENTO

A temporada 2021 do Campeonato Paulista de Fórmula 1.600 estava agendada para começar em fevereiro, mas teve a primeira rodada adiada para o mês de março devido à pandemia causada pelo novo coronavírus (Covid-19). O torneio estadual é dividido em dez etapas, cada uma com duas corridas de 12 voltas ou duração máxima de 30 minutos. O regulamento da competição, porém, prevê o descarte dos cinco piores resultados ao longo do ano para o cômputo da classificação final.

Voltar