fbpx
Kickboxing

Atletas do Centro Esportivo MR se destacam no kickboxing

Além do time de competição, aulas gratuitas atendem crianças e adolescentes

Marcos Alves e Ana Júlia Barros, atletas de kickboxing do Centro Esportivo MR
Marcos Alves e Ana Júlia Barros se preparam para o Campeonato Brasileiro e os Jogos Abertos (Foto: Líder Esportes)

Responsável pelo projeto Lutando para Vencer, aprovado via chamamento público pela Prefeitura de Piracicaba, o Centro Esportivo MR conta com três atletas que vêm se destacando no kickboxing em 2019. São eles: Ana Júlia Barros, Julia Alves e Marcos Alves. Os três lutadores participaram da 28ª edição do Campeonato Paulista, realizado em Marília, e o resultado foi o melhor possível: eles conquistaram três medalhas de ouro nas categorias low kicks e K1.

Através de uma parceria do Centro Esportivo MR com a Selam (Secretaria de Esportes, Lazer e Atividades Motoras), o trio realiza a preparação com o treinador Jampa Leibhloz, já pensando nos Jogos Abertos do Interior, que serão realizados em outubro, também em Marília. No final de junho, os lutadores competem pela 29ª edição do Campeonato Brasileiro, em Sorocaba. Antes disso, dia 8, Marcos Alves embarca para Haia, na Holanda, onde vai participar do Fight Club Den Haag.

“O Marcos é uma surpresa gratificante, ele está ganhando todas as competições que disputa. Na primeira participação nos Jogos Abertos, no ano passado, ele foi campeão. É um cara que treina muito, que se doa muito, que busca melhorar a cada dia. Além da Julia e do Marcos, que estão comigo há um bom tempo, a Ana Júlia também é fruto do projeto. Ela começou a treinar com o Ramon Batagello (pugilista). Eles têm tudo para chegar bem nas competições”, destacou Marcos Ribeiro, idealizador do projeto.

Marcos Ribeiro, treinador da equipe de boxe do Centro Esportivo MR

O treinador Marcos Ribeiro é responsável pela idealização do projeto (Foto: Arquivo/Líder Esportes)

Além da equipe de competição, o Centro Esportivo MR também realiza um trabalho com as crianças e com pessoas quem buscam condicionamento físico, além do aprendizado da modalidade como defesa pessoal. Com os menores, a didática é lúdica, de desenvolvimento e de formação. O projeto ainda organiza confraternizações e vivências com o objetivo de promover interação entre os alunos de cada núcleo, além de incentivá-los ao desenvolvimento no kickboxing.

“Nós preparamos as crianças com atividades de coordenação motora, noção de espaço e técnicas, com a participação de vivências entre os núcleos e também seminários. Em 2019, vamos realizar alguns seminários com profissionais da área, para que elas vejam coisas diferentes. Assim, quando chegarem em uma certa idade, se houver interesse, teremos condições de inserir as crianças nas competições”, finalizou Ribeiro, que também é treinador de boxe no Centro Esportivo MR.

AULAS

O Projeto Lutando para Vencer acontece em três núcleos espalhados pela cidade. As aulas são gratuitas e atendem crianças e adolescentes, dos 7 aos 17 anos, além dos atletas e de adultos que buscam condicionamento físico e o aprendizado de uma defesa pessoal. No Centro Esportivo MR (Travessa Almeida Júnior, 403, bairro Nova América), o lutador Gustavo Piacentini é o responsável pelos treinamentos, que acontecem às segundas e quartas-feiras, das 16h às 17h.

Na Academia Alves Fight Team (rua Cândido Faria Alves, 141, bairro Jardim Paineiras), Marcos Alves comanda as atividades às terças, quintas e sexta-feiras, das 9h às 10h, enquanto na Academia Chock Dee (rua Professor José Gallucci Filho, 45, 2º andar, Jardim Petrópolis), os treinos também são voltados para os adultos e para atletas, e são realizados às segundas, quartas e sextas-feiras, das 9h às 10h30, sob supervisão do técnico Jampa Leibholz.

Voltar