Futebol

XV perde, mas está classificado para a semifinal

Alvinegro joga com 'regulamento debaixo do braço' e avança na Copa Paulista

XV de Piracicaba 0x1 Votuporanguense - Copa Paulista 2016
Mesmo com a derrota, o XV de Piracicaba está classificado para a semifinal (Foto: Michel Lambstein)

O XV de Piracicaba está na semifinal da Copa Paulista. Com mais de 5.000 pessoas no estádio Barão da Serra Negra, o Nhô Quim perdeu nesta sexta-feira (28) para o Votuporanguense por 1×0, mas, como havia vencido em Votuporanga pela contagem mínima e jogava pelo empate na soma dos resultados, garantiu a classificação. Na próxima fase, o time piracicabano pega o vencedor do confronto entre Rio Claro e São Carlos. É a terceira vez que o técnico Cléber Gaúcho leva o Alvinegro às semifinais da competição estadual.

Na semifinal da Copa Paulista, o XV enfrenta agora o vencedor de Rio Claro e São Carlos

Apesar de a necessidade de vencer por dois gols de diferença ser do Votuporanguense, foi o XV quem teve a iniciativa do jogo. Explorando as laterais, principalmente o lado esquerdo, onde Lucas Pavone ocupou a posição que vinha sendo de Samuel, o time piracicabano assustou o goleiro Gatti pela primeira vez aos 10min, em cobrança de falta de Romarinho que saiu à direita do gol. O Alvinegro começou a partida em ritmo alucinante e, antes do relógio completar 20 minutos, ameaçou o adversário mais duas vezes em chutes de longa distância, com Lucas Pavone e o volante Maranhão.

O Votuporanguense chegou pela primeira vez com perigo com meia hora de bola rolando. Após contra-ataque puxado pelo meia Paulo Josué, Elvinho escapou com velocidade e bateu para fora. A resposta do XV veio aos 38min, em jogada que nasceu pelo lado direito. Zé Mateus enxergou Romarinho livre e o atacante concluiu pelo alto, próximo ao ângulo. Apesar do domínio do Nhô Quim, as duas oportunidades mais claras de gol antes do intervalo foram da equipe visitante e aconteceram nos cinco minutos finais.

Aos 41min, Lucas Cunha errou o bote no meio de campo e viu como a bola sobrou limpa para Elvinho pela direita. O atacante ergueu a cabeça e cruzou da linha de fundo para o centro. Bem posicionado, o meia Paulo Josué ajeitou no peito e finalizou sem chances de defesa para Mateus Pasinato. Para sorte do goleiro, Lucas Cunha se recuperou no lance e salvou em cima da linha. Três minutos depois, Paulo Josué aproveitou outra bobeira do setor defensivo e ficou cara a cara com Mateus Pasinato, mas tentou driblar o goleiro, errou a passada e perdeu a ocasião.

XV de Piracicaba 0x1 Votuporanguense - Copa Paulista 2016

Artilheiro do XV na Copa Paulista, Romarinho não marcou contra o Votuporanguense (Foto: Michel Lambstein)

O Votuporanguense voltou para a segunda etapa mais adiantado e, novamente com Paulo Josué, levou perigo em falta cobrada da intermediária. Na sequência, o volante Xaves bateu de longe e quase abriu o placar. O XV entrou no jogo aos 10min e, também de bola parada, Barreto exigiu defesa complicada de Gatti. Com o cronômetro correndo e o placar desfavorável, o time de Votuporanga partiu para o ‘tudo ou nada’ e deixou espaços para os contragolpes, porém, o Alvinegro encontrava dificuldades para conectar o meio de campo com o ataque.

Nos 15 minutos finais, os ânimos se acirraram. Culpa do árbitro Douglas Marques das Flores, que teimava em não mostrar o cartão amarelo – visivelmente alterado, o lateral-direito Nequinha discutiu inclusive com o gandula e passou impune. Na primeira vez que o XV conseguiu contra-atacar, Barreto deixou Samoel Pizzi em condições de marcar, mas o atacante se precipitou e chutou torto pela linha de fundo. As oportunidades começaram a aparecer e, aos 34min, Rafael Gomes escorou de cabeça e Romarinho invadiu a área, mas finalizou errado também.

PÊNALTI

Pensando em cadenciar o jogo, Cléber Gaúcho mexeu pela primeira vez aos 35min e colocou o meia Gilsinho no lugar de Romarinho. Na sequência, foi a vez do centroavante Rodolfo entrar na vaga de Rafael Gomes. No último minuto, o Votuporanguense foi premiado pela insistência: o zagueiro Rodrigo botou a mão na bola dentro da área e a arbitragem marcou pênalti. Na cobrança, Anderson Cavalo chutou no meio do gol e abriu o placar: 1×0. Mas, não havia mais tempo para tirar a classificação do Barão da Serra Negra. O XV de Piracicaba está a dois passos da Série D do Campeonato Brasileiro.

FICHA TÉCNICA

Esporte Clube XV de Piracicaba

0  XV DE PIRACICABA

Mateus Pasinato; Zé Mateus, Rodrigo, Lucas Cunha e Lucas Pavone; Maranhão, Clayton e Barreto; Samoel Pizzi (Fraga), Rafael Gomes  (Rodolfo) e Romarinho (Romarinho). Técnico: Cléber Gaúcho

1  VOTUPORANGUENSE

Gatti; Nequinha, Marcelo Godri, Marcão e Felipe Gregory; Xaves, Kléber (Igor Pato) e Paulo Josué; Elvinho, Anderson Cavalo e Thiago Miracema. Técnico: Ito Roque

Gol: Anderson Cavalo (VOT) aos 48min/2ºT | Árbitro: Douglas Marques das Flores | Cartões amarelos: Rodrigo (XV); Marcelo Godri e Felipe Gregory (VOT) | Público: 5.192 pagantes| Renda: R$ 54.435,00

Início