Futebol

XV perde e fica a dois passos do rebaixamento

Em jogo com apagão em Batatais, Alvinegro é derrotado e precisa de 'milagre'

Rafael Gomes, atacante do XV de Piracicaba
Rafael Gomes teve mais uma atuação apagada em Batatais (Foto: Mauricio Bento/Líder Esportes/Orientec)

O XV de Piracicaba está a dois passos da Série A3 do Campeonato Paulista. Nesta quarta-feira (12), a equipe do técnico Vica perdeu para o Batatais, fora de casa, pelo placar de 3×2. O jogo, válido pela antepenúltima rodada da Série A2, ficou paralisado durante 29 minutos devido à falta de iluminação. Com a derrota, o Nhô Quim caiu para a 16ª colocação com 19 pontos, um a menos que o Velo Clube, primeiro acima da zona de rebaixamento. No sábado (15), o XV visita o União Barbarense, que já está rebaixado. Uma derrota em Santa Bárbara d’Oeste pode significar a queda matemática do Alvinegro.

Rio Preto e União Barbarense estão rebaixados para a Série A3 do Paulistão em 2018

Com Carlinhos na lateral direita, Cléber na esquerda e Zé Mateus no meio de campo, o XV não poderia começar pior a partida no estádio Osvaldo Scatena. Os primeiros dez minutos de jogo foram desastrosos para a equipe piracicabana, que viu o Batatais chegar com perigo aos 2min. Após cobrança de escanteio, o atacante Davi Lopes subiu sozinho e cabeceou para fora. Três minutos depois, Elton Martins abriu o placar para os donos da casa. Em contra-ataque rápido, Davi Lopes ajeitou de cabeça para o camisa 10, que passou por Mateus Pasinato antes de completar para o fundo da rede: 1×0.

O Alvinegro não teve tempo para respirar. Aos 7min, Carlinhos afastou mal uma bola lançada para a área e Davi Lopes ficou com o rebote. Na finalização, Mateus Pasinato desviou para escanteio. A pressão do Fantasma surtiu efeito no lance seguinte. Aos 9min, Carlinhos saiu jogando errado mais uma vez e a bola ficou com Ítalo, que tabelou com Fabrício Lusa e recebeu frente a frente com o goleiro. Com categoria, Ítalo tocou na saída de Mateus Pasinato para ampliar a vantagem: 2×0. A diferença poderia ter sido ampliada em mais duas ocasiões, mas o camisa 1 do XV salvou o terceiro tento nas conclusões de Diego Luis e Ítalo.

Perdido em campo, o time piracicabano achou um gol que mudou a história da partida aos 35min. Mal defensivamente, o lateral-direito Carlinhos subiu ao ataque e apareceu na segunda trave para completar cruzamento da esquerda, feito pelo também lateral Cléber. Na base da vontade, Carlinhos dividiu com Medina e deu sobrevida ao Nhô Quim na partida: 2×1. No lance seguinte, Zé Mateus quase empatou para o Alvinegro em chute de longa distância defendido com segurança por Tiago Campagnaro.

O segundo tempo começou em ritmo alucinante. Aos 3min, o XV conseguiu igualar o marcador. Após escanteio cobrado pela direita, Tiago Campagnaro saiu errado e a bola sobra para o atacante Bruninho, que bateu cruzado e estufou a rede: 2×2. O gol poderia deixar a equipe do técnico Vica em boa situação para tentar a virada, porém, dois minutos depois o Batatais voltou a vazar a defesa quinzista. Aos 5min, Carlinhos teve três chances para afastar a bola, mas perdeu para Élton Martins. O artilheiro do Fantasma não perdoou e fez seu sexto gol na competição: 3×2.

APAGÃO

Precisando ‘remar’ novamente para chegar ao empate, o XV viu esfriar o ímpeto aos 20min, quando uma torre de iluminação do Osvaldo Scatena ficou sem iluminação devido a um problema no sistema elétrico do estádio. Assim, a partida ficou paralisada durante 11 minutos em Batatais. O reinício, porém, durou apenas dois minutos: mais uma vez, a luz acabou. A bola voltou a rolar 18 minutos depois. O Nhô Quim buscou o ataque desesperadamente. Vica lançou mão de duas substituições: Barreto e Samoel Pizzi entraram nas vagas de Gilsinho e Carlinhos, respectivamente. Depois, o treinador sacou o volante Clayton e colocou o centroavante Carlos Alberto em campo. Não funcionou.

FICHA TÉCNICA

 BATATAIS

Tiago Campagnaro; Guilherme, Medina, Tyrone e Biro Biro; Fabrício Lusa, Ítalo (Copete), Davi Lopes e Elton Martins (Wesley); Davi Lopes e Diego Luis (Paulinho). Técnico: Alexandre Ferreira

Esporte Clube XV de Piracicaba

2  XV DE PIRACICABA

Mateus Pasinato; Carlinhos (Samoel Pizzi), Rodrigo, Doni e Cléber; Clayton (Carlos Alberto), Gilson (Barreto), Zé Mateus e Gilsinho; Bruninho e Rafael Gomes. Técnico: Vica

Gols: Elton Martins (BAT) aos 5min, ítalo (BAT) aos 9min e Carlinhos (XV) aos 35min/1ºT; Bruninho (XV) aos 3min e Elton Martins (BAT) aos 5min/2ºT | Árbitro: José Cláudio Rocha Filho | Cartões amarelos: Fabrício Lusa (BAT) | Público: 579 pagantes | Renda: R$ 7.560,00

Início