Futebol

XV passeia no 1º tempo e vence Bragantino

Clayton e Rodolfo marcaram os gols da vitória do time piracicabano

Clayton, volante do XV de Piracicaba
Clayton marcou o primeiro gol do XV de Piracicaba contra o Bragantino (Foto: Mauricio Bento/Líder Esportes)

Com grande atuação no primeiro tempo, o XV de Piracicaba conquistou neste sábado (16) a segunda vitória na Copa Paulista. Fora de casa, o time piracicabano venceu o Bragantino por 2×0. O volante Clayton e o atacante Rodolfo marcaram os gols no estádio Nabi Abi Chedid. O resultado manteve o Nhô Quim na liderança do Grupo 3, agora com seis pontos ganhos em duas partidas disputadas. O próximo compromisso do Alvinegro na competição estadual acontece dia 24, domingo, às 10h, contra o Ituano no estádio Novelli Júnior.

No próximo domingo, o XV visita o Ituano pela quarta rodada da Copa Paulista

Em Bragança Paulista, a equipe dirigida pelo técnico Cléber Gaúcho entrou em campo determinada a resolver logo a partida antes do intervalo e encontrou o primeiro gol aos 12min. Após bela jogada coletiva pelo lado esquerdo do ataque, Samuel cruzou para a área e encontrou Clayton, que finalizou sem chances de defesa para Rafael: 1×0. Dez minutos mais tarde, Romarinho triangulou com Barreto, que chutou forte, mas errou o alvo e desperdiçou a chance de ampliar a vantagem quinzista.

A pressão do XV de Piracicaba não cessava. Aos 26min, o zagueiro Doni teve a oportunidade de marcar com a cabeça após cobrança de escanteio. Sumido na primeira meia hora de jogo, o Bragantino apareceu no ataque apenas aos  32min e exigiu duas ótimas intervenções de Mateus Pasinato. Após bola levantada, o goleiro espalmou o cabeceio de Adenílson; no rebote, Juliano completou de cabeça e o camisa 1 do time piracicabano salvou outra vez. A melhor ocasião do Massa Bruta veio quatro minutos depois, mas Gustavo Barbosa chutou torto quando tinha tudo para empatar.

RESPOSTA

A resposta do Nhô Quim foi fatal. Aos 44min, Celsinho puxou rápido o contra-ataque e tocou para Rodolfo, que finalizou de pé esquerdo para colocar a bola no canto oposto de Rafael: 2×0. Foi o segundo gol do atacante em dois jogos na competição. A vantagem praticamente ‘matou’ o jogo. Sem poder de reação, o Bragantino se viu acuado no próprio campo pelo Alvinegro. O XV de Piracicaba, inclusive, foi o responsável por criar as melhores jogadas da segunda etapa.

Por duas vezes, o goleiro Rafael impediu que a vitória quinzista fosse ainda mais dilatada. Aos 8min do segundo tempo, Romarinho recebeu na direita e cruzou na medida para Rodolfo tentar o chute, mas o arqueiro do Massa Bruta fez grande defesa. Com o duelo definido, a última oportunidade de gol surgiu aos 39min. Barreto, que mais uma vez se destacou no setor de criação, deixou Celsinho em condições de marcar o terceiro, mas o atacante foi traído por um buraco no campo e errou a conclusão. Nada, porém, que impedisse o triunfo piracicabano em Bragança Paulista.

FICHA TÉCNICA

0  BRAGANTINO

Rafael; Kellyton, Juliano, Marcel e Biro (Anderson Ligeiro); Adenilson, Bruno, Gustavo Barbosa (Giva) e Vitor; Robinho (Bernardo) e Eliel. Técnico: Alberto Félix

Esporte Clube XV de Piracicaba

2  XV DE PIRACICABA

Mateus Pasinato; Zé Mateus, Lucas Cunha, Doni e Samuel; Maranhão (Fraga) e Clayton; Celsinho, Barreto e Romarinho (Bruninho); Rodolfo (Rafael Gomes). Técnico: Cléber Gaúcho

Gols: Clayton aos 12min e Rodolfo aos 44min/1°T | Árbitro: Giuliano Dutra Pellegrini | Cartões amarelos: Bruno, Gustavo Barbosa e Kellyton (BRA); Barreto, Celsinho e Maranhão (XV) | Público: não divulgado| Renda: não divulgada

Início