+ Esportes

Seu Adelino, 102 anos sem dores e desculpas

Mineiro, homem da roça e pai de 13 filhos vira exemplo de dedicação

Seu Adelino, atleta de 102 anos
Seu Adelino virou grande exemplo para os frequentadores da piscina municipal (Foto: Selam/Divulgação)

Não há desculpa, dor ou preguiça no vocabulário de Adelino Barbosa de Souza, ou apenas seu Adelino, como é carinhosamente conhecido o mineiro de 97 anos – pelo menos, esta é a idade que consta na Certidão de Nascimento, mas, segundo ele, são 102 anos de vida, devido ao registro tardio. Centenário, como ele próprio se define, seu Adelino começou a praticar aulas de hidroginástica oferecidas pela Selam (Secretaria de Esportes, Lazer e Atividades) no Complexo Aquático Municipal Samuel de Castro Neves.

Impulsionado pela filha Cleuza, que também frequenta o espaço, seu Adelino decidiu em dezembro se matricular e começou a praticar aulas de hidroginástica duas vezes por semana no período da manhã, sob orientação das professoras Paula Leite e Mariana Picolli. “Depois da perda da minha esposa, fiquei muito sozinho e decidi fazer alguma atividade física. Fui motivado pela minha filha e resolvi fazer hidroginástica”, ressaltou o mineiro, que virou exemplo e fonte de inspiração para os frequentadores do local.

“Fui bem acolhido e sou muito bem tratado pelos professores”, disse Adelino, que dedicou grande parte da vida ao trabalho rural e ajudou a esposa na criação de 13 filhos. “Quero continuar fazendo atividade física por muito tempo para a melhora da saúde”, revelou. Bem humorado, seu Adelino contou que foi registrado quase seis anos depois do nascimento. “No passado era tudo mais difícil e como morávamos na roça, era complicado ir para cidade. Por isso, fui registrado quando tinha de cinco para seis anos”, completou.

Início