Futebol

Romarinho desabafa: ‘Eu nunca dei migué’

Com seis gols marcados, meia-atacante é artilheiro do XV na Série A2

Romarinho, atacante do XV de Piracicaba
O meia-atacante Romarinho é o artilheiro do XV de Piracicaba (Foto: Mauricio Bento/Líder Esportes/Orientec)

As três vitórias que o XV de Piracicaba conquistou na Série A2 do Campeonato Paulista tiveram algo em comum: gols de Romarinho. Na vitória por 2×0 sobre o Guarani, coube ao jogador dar números finais ao placar após marcar em bela cobrança de falta. Contra o Velo Clube, Romarinho entrou em campo aos 15 minutos do segundo tempo e, um minuto depois, marcou de cabeça o único gol do jogo. No último sábado (1º), mais uma vez o jogador foi decisivo, tendo marcado de falta, aos 35 minutos do segundo tempo, o gol da vitória por 1×0 sobre o Oeste.

“Fico feliz por estar ajudando. Sempre fui profissional e nunca deixei de trabalhar. Eu nunca dei ‘migué’. Como diz o ditado, Deus ajuda quem trabalha, e mais uma vez pude ajudar a equipe. Demos uma distanciada da zona de rebaixamento, mas ainda temos um jogo importante contra o Votuporanguense. Se eu puder ajudar novamente, não será diferente. Vamos trabalhar de novo, com o pezinho no chão e procurar a vitória dentro de casa”, disse Romarinho, em entrevista coletiva realizada após o jogo.

ARTILHARIA

O gol marcado contra o Oeste foi o sexto de Romarinho na Série A2 do Paulista. Com a camisa alvinegra, o jogador já havia marcado sete gols em 2016, quando o XV de Piracicaba conquistou o título da Copa Paulista. A vitória por 1×0 sobre o Oeste serviu ainda para quebrar um jejum no XV de Piracicaba. A equipe não vencia há sete jogos. Fora da zona de rebaixamento, na 13ª colocação com 18 pontos conquistados, o Alvinegro ainda segue ameaçado de rebaixamento. Na sexta-feira (7), o XV recebe o Votuporanguense, às 20h, no Barão da Serra Negra.

O técnico Vica elogiou o espírito da equipe no triunfo ante o Oeste. “Nossa avaliação tem que ser positiva. Nós tivemos dificuldades no jogo e pela qualidade do nosso adversário, nós sabíamos que não seria fácil. Nos jogos equilibrados, de confronto direto, você tem que ganhar no detalhe, e nós ganhamos. Ainda estamos cometendo erros, mas dá para melhorar para o próximo jogo. Temos uma semana para trabalhar, mas o espírito foi de um time que quer chegar, que quer sair dessa situação e isso me agradou muito”, disse Vica.

Início