Opinião

Olimpíada no Brasil. Faz sentido?

Os Jogos Olímpicos representam uma das atividades de maior visibilidade do contexto esportivo contemporâneo e estão fundamentados não apenas nas regras de cada modalidade esportiva, mas, principalmente, nos valores humanos, combinando esporte, educação e cultura. Em um país com tantos problemas sociais como educação, saúde e segurança, levando em consideração a filosofia que permeia os Jogos Olímpicos, seria responsabilidade do Brasil compreender sua realidade social e não assumir a realização do evento ou a responsabilidade seria dos organizadores dos Jogos, que deveriam analisar o contexto em que as Olimpíadas estão se inserindo e negar a realização do mesmo em um país com essas condições?

O TCU (Tribunal de Contas da União) lançou a segunda edição da cartilha O TCU e as Olimpíadas de 2016. A publicação estima os gastos totais com os Jogos em R$ 37,5 bilhões. Afinal, você, pai que estimula o filho à prática esportiva, que sonha vê-lo se tornar um milionário jogador de futebol, de basquete ou vôlei, vai estimulá-lo naturalmente a assistir aos jogos. Mas vai tirar um tempo do seu dia tão atribulado e concorrido para explicar à ele o outro lado da moeda?

E será que os atletas conhecem os valores do Olimpismo? Quando a Rússia é envolvida em um caso político de doping, qual é a imagem que seus atletas passam para as crianças de seu país, e para as crianças do Brasil? Como elas compreendem a exclusão de parte da delegação russa? Quando ligamos a televisão e nos deparamos com a maior referência do nosso futebol da atualidade dizendo em sua primeira entrevista coletiva nos Jogos Olímpicos que o que faz fora de campo não diz respeito a ninguém, como explicar para nossas crianças que o Neymar é ‘Pelé dentro de campo e mané fora dele’?

Como evitar que acompanhem seu ídolo nas redes sociais, pois lá é o lugar de sua vida privada, banhado de bebidas, baladas, mulheres, roupas e carros caríssimos? Como explicar que a seleção feminina, que conta com a atleta Marta, cinco vezes eleita melhor jogadora do mundo, não tem apoio sequer para o Campeonato Brasileiro? Como explicar a situação do Arthur Zanetti, campeão olímpico e mundial de ginástica artística, que sofre com a falta de estrutura? E os atletas que venderam rifas para conseguir disputar as competições classificatórias para os Jogos? Entre outros… De fato, o esporte vai muito além dele mesmo, e cabe aos pais, professores e treinadores esportivos, exercitarem a reflexão além da prática.

Igor Leone é psicólogo do esporte

Início