Opinião

O XV precisa da Série D

O XV de Piracicaba tem que brigar por um vaga na Série D do Campeonato Brasileiro. O time vai disputar o Paulistão pelo quinto ano seguido e está na hora de almejar algo a mais. A paixão da torcida e a tradição alvinegra são outros dois bons argumentos para o clube fazer um esforço e alcançar o objetivo. Porém, é importante recordar que há alguns obstáculos que precisam ser superados.

No Campeonato Paulista, os times pequenos já são prejudicados antes mesmo da competição começar: as cotas da televisão são menores. Além disso, em muitos casos falta estrutura para trabalhar e, muitas vezes, os clubes não estão preparados para fazer parte da elite do futebol paulista – ainda há espaço para o amadorismo em alguns departamentos de futebol.

O sistema de disputa do campeonato, além de dificultar o planejamento, é ruim. Não acho correto uma equipe se classificar até mesmo para a Série D se ficar em segundo lugar de um grupo com menos pontos que um adversário de outra chave. Falta coerência, não? Mais justo seria se o Paulistão fosse disputado apenas em pontos corridos ou, então, que oito times se classificassem para um eventual mata-mata.

Para encarar um campeonato de tiro curto como é o Paulistão, é muito fundamental ir bem na montagem do elenco, principalmente por conta do limite de inscrições. A experiência é importante sim, mas os clubes têm que apostar na juventude – sempre priorizando qualidade técnica e a capacidade física. A presença de alguns jogadores da base também é interessante para que haja uma adaptação mais rápida ao futebol profissional.

No caso do XV, o fator casa também deve ser levado em consideração. O Barão da Serra Negra joga junto. Senti isso na pele quando tive a honra de vestir a camisa zebrada. Ainda hoje me arrepio ao lembrar da torcida se levantando quando entrávamos em campo para aquecer no quadrangular final da Série A2. Também ficou marcado para sempre em minha memória o gol contra o Santos, na estreia do Paulistão 2012. Desejo que os jogadores do atual elenco tenham essa mesma ligação com a torcida. Isso tornaria o XV mais forte. Seria um grande passo rumo à Série D.

André Cunha é jogador de futebol e defendeu o XV de Piracicaba entre 2011 e 2012

Início