Futebol

‘Não fiz metas para artilharia’, diz Éverton

Vice-artilheiro da Série A2, atacante quer conquistar acesso pelo XV

*Capa: Bruno Castilho/EC Taubaté

Brigar pelo acesso: essa é a frase mais pronunciada pelos atletas do XV de Piracicaba nas entrevistas concedidas à imprensa. Em fase de preparação para a disputa do Campeonato Paulista da Série A2, em 2018, a rotina de treinamentos diários, com ao menos um jogo-treino por semana, segue intensa até o início da competição, no dia 17 de janeiro, contra o Rio Claro no Barão da Serra Negra. “A expectativa é atingir nossos objetivos na Série A2, que são primeiro a classificação e depois o acesso. Se tudo der certo, também o título. O grupo é muito bom”, disse Éverton.

Vice-artilheiro da Série A2, em 2017, atuando pelo Taubaté, o atacante evita traçar uma meta de gols a atingir, e ressalta que o principal objetivo do grupo é o acesso para a elite do Campeonato Paulista. “Não tracei metas para artilharia ou para um determinado número de gols a marcar. Estou focado em ajudar o time na briga pelo acesso. Esse é o maior objetivo de todos que estão no XV. Se eu puder ajudar fazendo gols, será ótimo”, admitiu o camisa 9.

“Atacante sempre quer fazer gols e ser artilheiro, comigo não é diferente, mas estou mais preocupado em ajudar o grupo, do que pensando em mim mesmo”, complementou. Na próxima sexta-feira (22), às 15h30, no CT (Centro de Treinamento), em Saltinho, o Nhô Quim realiza seu segundo jogo-treino. O adversário é a Caldense-MG. Após a partida, o elenco ganhará três dias de folga, retornando aos trabalhos na tarde terça-feira (26).

Início